Audioteca | CONSULTÓRIO

Doenças transmitidas pelos pombos é o assunto do Consultório de Graça


Graça Araújo recebeu a doutora infectologista Sylvia Hinrichsen e o coordenador de zoonoses da Secretaria de Saúde de Pernambuco, Francisco Duarte.

Publicado em 30/06/2016, às 19:31


Rádio Jornal
Imagem Ilustrativa 

Você sabia que os pombos podem transmitir doenças que entre elas estão a tuberculose avícola? No consultório do Rádio Livre desta quinta-feira (30), Graça Araújo juntamente com o coordenador de zoonoses da Secretaria de Saúde de Pernambuco, Francisco Duarte, e a infectologista Sylvia Hinrichsen explicaram tudo sobre as doenças desses animais tão comuns no cotidiano das nossas cidades. As contaminações se dão pelas fezes ou até mesmo pelo contato com a ave. Perdeu o programa? Ouça na integra:


 
 
 

O pombo é europeu, veio ao Brasil juntamente com a família real e se tornou um problema para as grandes metrópoles. Segundo o coordenador de zoonoses da Secretaria de Saúde de Pernambuco, Francisco Duarte, o poder público precisa da parceria da população para conseguir manter a saúde mediante aos pombos. “A parte mais importante é a não alimentação dessas aves. O nosso problema hoje é que as pessoas alimentam os pombos, principalmente em praças públicas”, comentou Francisco Duarte. 

Audioteca

Doenças transmitidas pelos pombos é o assunto do Consultório de Graça



Publicado em 30/06/2016, às 19:31


Rádio Jornal
Imagem Ilustrativa 

Você sabia que os pombos podem transmitir doenças que entre elas estão a tuberculose avícola? No consultório do Rádio Livre desta quinta-feira (30), Graça Araújo juntamente com o coordenador de zoonoses da Secretaria de Saúde de Pernambuco, Francisco Duarte, e a infectologista Sylvia Hinrichsen explicaram tudo sobre as doenças desses animais tão comuns no cotidiano das nossas cidades. As contaminações se dão pelas fezes ou até mesmo pelo contato com a ave. Perdeu o programa? Ouça na integra:


[uolmais_audio 15913302] 
[uolmais_audio 15913299] 
[uolmais_audio 15913298] 

O pombo é europeu, veio ao Brasil juntamente com a família real e se tornou um problema para as grandes metrópoles. Segundo o coordenador de zoonoses da Secretaria de Saúde de Pernambuco, Francisco Duarte, o poder público precisa da parceria da população para conseguir manter a saúde mediante aos pombos. “A parte mais importante é a não alimentação dessas aves. O nosso problema hoje é que as pessoas alimentam os pombos, principalmente em praças públicas”, comentou Francisco Duarte.