Audioteca | CONSULTÓRIO

“Há um tabu quando se fala de sexo na terceira idade“, diz psicóloga


O Consultório do Rádio Livre desta segunda-feira (3) trouxe como pauta a saúde e a sexualidade das pessoas da terceira idade

Publicado em 03/10/2016, às 16:08


Rádio Jornal





O Consultório do Rádio Livre desta segunda-feira (3) trouxe como pauta a saúde e a sexualidade do idoso. A comunicadora Graça Araújo recebeu a psicóloga clínica Lúcia Soares e a fisioterapeuta Vanessa Melo.

As convidas explicaram as experienciais sexuais vivenciadas pelo grupo da terceira idade e quais são os principais motivos pelos quais o trabalho delas é procurado.

A vivência sexual de jovens e adultos também foi mencionada durante o programa, pontuando a cultura sexual de homens e mulheres. “Temos uma cultura de poder relacionada ao sexo. Os homens tendem a ter pouca autoestima quando se precisa dizer não à mulher”, disse a psicóloga Lúcia Soares.

Durante a conversa, as convidadas também falaram sobre os exercícios físicos durante a terceira idade e como isso influencia no desenvolver da vida idosa. “Se o idoso fez exercícios, ele tem menos bagagens de dores, de doenças. Ele aguenta mais alguns tipos de atividade física”, explicou a fisioterapeuta Vanessa Melo.

A psicóloga Lúcia também explicou sobre as práticas sexuais dos idosos. “Geralmente o casal começa a achar que o sexo não é mais para ele. Também temos uma cultura que impõe isso, coloca o sexo como uma questão pejorativa. É muito forte essa questão da aceitação sexual dos idosos”, pontuou.

A questão da qualidade de vida interferir na vida sexual das pessoas num geral foi falada pela fisioterapeuta Vanessa Melo: “A qualidade de vida é um dos pontos que ajuda a melhorar a satisfação da vida sexual”.

Ouça o Consultório na íntegra:

 

Audioteca

“Há um tabu quando se fala de sexo na terceira idade“, diz psicóloga



Publicado em 03/10/2016, às 16:08


Rádio Jornal





O Consultório do Rádio Livre desta segunda-feira (3) trouxe como pauta a saúde e a sexualidade do idoso. A comunicadora Graça Araújo recebeu a psicóloga clínica Lúcia Soares e a fisioterapeuta Vanessa Melo.

As convidas explicaram as experienciais sexuais vivenciadas pelo grupo da terceira idade e quais são os principais motivos pelos quais o trabalho delas é procurado.

A vivência sexual de jovens e adultos também foi mencionada durante o programa, pontuando a cultura sexual de homens e mulheres. “Temos uma cultura de poder relacionada ao sexo. Os homens tendem a ter pouca autoestima quando se precisa dizer não à mulher”, disse a psicóloga Lúcia Soares.

Durante a conversa, as convidadas também falaram sobre os exercícios físicos durante a terceira idade e como isso influencia no desenvolver da vida idosa. “Se o idoso fez exercícios, ele tem menos bagagens de dores, de doenças. Ele aguenta mais alguns tipos de atividade física”, explicou a fisioterapeuta Vanessa Melo.

A psicóloga Lúcia também explicou sobre as práticas sexuais dos idosos. “Geralmente o casal começa a achar que o sexo não é mais para ele. Também temos uma cultura que impõe isso, coloca o sexo como uma questão pejorativa. É muito forte essa questão da aceitação sexual dos idosos”, pontuou.

A questão da qualidade de vida interferir na vida sexual das pessoas num geral foi falada pela fisioterapeuta Vanessa Melo: “A qualidade de vida é um dos pontos que ajuda a melhorar a satisfação da vida sexual”.

Ouça o Consultório na íntegra:

[uolmais_audio 16014578] 
[uolmais_audio 16014619]
[uolmais_audio 16014622]