Audioteca | COMPORTAMENTO

Especialistas debatem maneiras mais eficazes de lidar com o luto


O programa Comportamento recebeu os psicólogos Adriana Barros e Carlan Pacheco

Publicado em 26/12/2016, às 13:03


Rádio Jornal
Imagem ilustrativa. Foto: reprodução/internet


Perder um amor, um amigo ou um parente não é nada fácil. Mais difícil ainda quando essa perda é inexperada ou a pessoa querida se vai muito jovem ou com filhos muito pequenos. De acordo com cientistas, a perda dói mesmo, e não é metáfora. A dor do luto pode ser comparada, inclusive com a de um infarto.

No programa Comportamento desse domingo (25), a apresentadora Clarissa Siqueira recebeu os psicólogos Adriana Barros e Carlan Pacheco para falar sobre as maneiras mais comuns e as mais eficazes de lidar com o luto. O tema foi escolhido por votação popular e faz parte das comemorações de dois anos do Comportamento no ar.

Recuperação

Nos dois anos do Programa Comportamento, a apresentadora Clarissa Siqueira entrevistou inúmeras vezes o psicólogo e professor da Universidade Federal de Pernambuco, Sylvio Ferreira, que também é presidente do Conselho Deliberativo do Santa Cruz. No último dia 12, Sylvio passou mal e foi internado com suspeita de infarto. O susto se confirmou, o professor teve outro infarto e precisou passar por cirurgia ficar na UTI. Sylvio só recebeu alta no dia 19. Neste domingo, Clarissa Siqueira conversou com o psicólogo, que revelou como foi o período internado:



Nascimentos e renascimentos

No dia em que o programa discutiu o luto, a coluna "Meus amores da televisão", comandada pelo jornalista Rafael Souza, relembrou cenas históricas de partos nas telenovelas brasileiras. Os momentos, que reúnem muita tensão, também representam extrema alegria, o completo oposto ao que chamamos de luto.

Muito Prazer

Na semana em que o clipe de Clarice Falcão dominou as rodas de conversas e as redes sociais, a colunista Silvana Melo comentou a relação com a nudez. Por que gostamos tanto de ver? Por que nos chocamos tanto?

Audioteca

Especialistas debatem maneiras mais eficazes de lidar com o luto



Publicado em 26/12/2016, às 13:03


Rádio Jornal
Imagem ilustrativa. Foto: reprodução/internet


Perder um amor, um amigo ou um parente não é nada fácil. Mais difícil ainda quando essa perda é inexperada ou a pessoa querida se vai muito jovem ou com filhos muito pequenos. De acordo com cientistas, a perda dói mesmo, e não é metáfora. A dor do luto pode ser comparada, inclusive com a de um infarto.

No programa Comportamento desse domingo (25), a apresentadora Clarissa Siqueira recebeu os psicólogos Adriana Barros e Carlan Pacheco para falar sobre as maneiras mais comuns e as mais eficazes de lidar com o luto. O tema foi escolhido por votação popular e faz parte das comemorações de dois anos do Comportamento no ar.

[uolmais_audio 16099676]

[uolmais_audio 16099688]

Recuperação

Nos dois anos do Programa Comportamento, a apresentadora Clarissa Siqueira entrevistou inúmeras vezes o psicólogo e professor da Universidade Federal de Pernambuco, Sylvio Ferreira, que também é presidente do Conselho Deliberativo do Santa Cruz. No último dia 12, Sylvio passou mal e foi internado com suspeita de infarto. O susto se confirmou, o professor teve outro infarto e precisou passar por cirurgia ficar na UTI. Sylvio só recebeu alta no dia 19. Neste domingo, Clarissa Siqueira conversou com o psicólogo, que revelou como foi o período internado:

[uolmais_audio 16099677]

Nascimentos e renascimentos

No dia em que o programa discutiu o luto, a coluna "Meus amores da televisão", comandada pelo jornalista Rafael Souza, relembrou cenas históricas de partos nas telenovelas brasileiras. Os momentos, que reúnem muita tensão, também representam extrema alegria, o completo oposto ao que chamamos de luto.

[uolmais_audio 16099678]

Muito Prazer

Na semana em que o clipe de Clarice Falcão dominou as rodas de conversas e as redes sociais, a colunista Silvana Melo comentou a relação com a nudez. Por que gostamos tanto de ver? Por que nos chocamos tanto?

[uolmais_audio 16099680]