Notícia | COMPORTAMENTO

Especialistas dão dicas de como conviver com os parentes do outro sem abalar seu casamento


Sogros, cunhados, tios, filhos e primos podem ser verdadeiras pedras no sapato quando o assunto é estabilidade familiar

Publicado em 15/02/2016, às 10:42

Da Rádio Jornal
Postado por Luiza Falcão

Quem já ouviu dizer que cunhado não é família? Você conhece pessoas que têm problemas com sogra? Estes foram alguns dos pontos abordados no Programa Comportamento desse domingo (14), apresentado pela comunicadora Clarissa Siqueira. Para falar sobre “como conviver com os parentes do outro sem abalar seu casamento”, foram convidados o psicólogo e professor da Universidade Federal de Pernambuco Sylvio Ferreira e o advogado especializado em Direito de Família João Bosco Albuquerque.

O psicólogo Sylvio Ferreira comentou que, em casos em que há uma relação de proximidade entre filhos e pais, por exemplo, é comum que haja um certo ciúme na inserção de uma nova pessoa nesta relação. “Eles não querem perder aquilo que leva alegria a vida deles, por isso se ressentem muito”, comentou.

Ouça abaixo o comportamento completo:

 

Publicidade

Comentários

Notícia

Especialistas dão dicas de como conviver com os parentes do outro sem abalar seu casamento



Publicado em 15/02/2016, às 10:42


Da Rádio Jornal
Postado por Luiza Falcão

Quem já ouviu dizer que cunhado não é família? Você conhece pessoas que têm problemas com sogra? Estes foram alguns dos pontos abordados no Programa Comportamento desse domingo (14), apresentado pela comunicadora Clarissa Siqueira. Para falar sobre “como conviver com os parentes do outro sem abalar seu casamento”, foram convidados o psicólogo e professor da Universidade Federal de Pernambuco Sylvio Ferreira e o advogado especializado em Direito de Família João Bosco Albuquerque.

O psicólogo Sylvio Ferreira comentou que, em casos em que há uma relação de proximidade entre filhos e pais, por exemplo, é comum que haja um certo ciúme na inserção de uma nova pessoa nesta relação. “Eles não querem perder aquilo que leva alegria a vida deles, por isso se ressentem muito”, comentou.

Ouça abaixo o comportamento completo:

 

[uolmais_audio 15769265]

[uolmais_audio 15769280]

[uolmais_audio 15769281]

[uolmais_audio 15769284]

[uolmais_audio 15769285]

[uolmais_audio 15769286]