Notícia | CULTURA

São João do Recife vai homenagear Santanna e dona Glorinha do Coco


Homenageado do São João 2016, Santanna afirmou que "o Brasil não conhece o Nordeste"

Publicado em 02/06/2016, às 07:06

Rádio Jornal
Postado por Luiza Falcão
Foto: Divulgação/PCR


A programação oficial do São João do Recife vai valorizar os artistas locais e a cultura popular. O Sítio da Trindade, em Casa Amarela, Zona Norte do Recife, mais uma vez será o principal polo mantendo as tradições juninas.

O cearense Santana, o cantador interprete do clássico Ana Maria, tem em Luiz Gonzaga a principal referência. Já Dona Glorinha do Coco, de 81 anos, foi finalista do Prêmio da Música Brasileira nas categorias melhor álbum e cantora regional.

Um dos homenageados, o forrozeiro Santanna ressalta a importância de valorizar a cultura popular: “O Brasil não conhece o Nordeste, como dizia Naná Vasconcelos. A Europa conhece o Nordeste, os Estados Unidos também, mas o Brasil não conhece”, desabafa.

Recomendados para você

Publicidade

Comentários

Notícia

São João do Recife vai homenagear Santanna e dona Glorinha do Coco



Publicado em 02/06/2016, às 07:06


Rádio Jornal
Postado por Luiza Falcão
Foto: Divulgação/PCR


A programação oficial do São João do Recife vai valorizar os artistas locais e a cultura popular. O Sítio da Trindade, em Casa Amarela, Zona Norte do Recife, mais uma vez será o principal polo mantendo as tradições juninas.

O cearense Santana, o cantador interprete do clássico Ana Maria, tem em Luiz Gonzaga a principal referência. Já Dona Glorinha do Coco, de 81 anos, foi finalista do Prêmio da Música Brasileira nas categorias melhor álbum e cantora regional.

Um dos homenageados, o forrozeiro Santanna ressalta a importância de valorizar a cultura popular: “O Brasil não conhece o Nordeste, como dizia Naná Vasconcelos. A Europa conhece o Nordeste, os Estados Unidos também, mas o Brasil não conhece”, desabafa.

[uolmais_audio 15881933]