Notícia | RÁDIO DO POVO

Palestras, denúncias e prestação de serviço no Loteamento Nazaré, em Camaragibe


Projeto Rádio do Povo atende a comunidade nesta semana

Publicado em 16/06/2016, às 16:52

Rádio Jornal
Foto: Edilson Santana/ Rádio Jornal

O projeto Rádio do Povo essa semana atende a população do Loteamento Nazaré, em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife. Como de costume, as atividades tiveram início na segunda-feira (13) e se encerram nesta sexta-feira (17). 

Entre as queixas registradas pela população o comércio clandestino de fichas virou um procedimento corriqueiro no Posto de Saúde Inabi e Nazaré, localizado no bairro de Jardim Primavera. 

A baixa oferta de oportunidades de consultas por falta de estrutura da unidade de saúde acabou abrindo espaço para esse tipo de prática irregular. Algumas pessoas guardam a vez na fila e vendem por até R$ 30 a vaga. O aposentado José Luiz Matias, cobra providências da Secretaria Municipal de Saúde. 

As pessoas que não querem pagar o valor por uma vaga na fila de atendimento, são obrigadas a madrugar para tentar uma consulta médica. A dona de casa Maria Conceição Dias contou que chega às 3h no posto de saúde para conseguir uma consulta. 

Palestra sobre primeiros socorros com o Corpo de Bombeiros

Problemas de infraestrutura e insegura também foram citados pelos moradores.

Situação do calçamento é reclamão dos moradores 

Além disso, a comunidade pode contar com palestras de primeiros socorros, educação no trânsito, segurança no lar, combate à exploração e abuso sexual de crianças e economia familiar. A palestra de alimentação saudável será realizada nesta sexta-feira (17). 

Recomendados para você

Comentários

Notícia

Palestras, denúncias e prestação de serviço no Loteamento Nazaré, em Camaragibe



Publicado em 16/06/2016, às 16:52


Rádio Jornal
Foto: Edilson Santana/ Rádio Jornal

O projeto Rádio do Povo essa semana atende a população do Loteamento Nazaré, em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife. Como de costume, as atividades tiveram início na segunda-feira (13) e se encerram nesta sexta-feira (17). 

Entre as queixas registradas pela população o comércio clandestino de fichas virou um procedimento corriqueiro no Posto de Saúde Inabi e Nazaré, localizado no bairro de Jardim Primavera. 

A baixa oferta de oportunidades de consultas por falta de estrutura da unidade de saúde acabou abrindo espaço para esse tipo de prática irregular. Algumas pessoas guardam a vez na fila e vendem por até R$ 30 a vaga. O aposentado José Luiz Matias, cobra providências da Secretaria Municipal de Saúde. 

As pessoas que não querem pagar o valor por uma vaga na fila de atendimento, são obrigadas a madrugar para tentar uma consulta médica. A dona de casa Maria Conceição Dias contou que chega às 3h no posto de saúde para conseguir uma consulta. 

Palestra sobre primeiros socorros com o Corpo de Bombeiros

Problemas de infraestrutura e insegura também foram citados pelos moradores.

Situação do calçamento é reclamão dos moradores 

Além disso, a comunidade pode contar com palestras de primeiros socorros, educação no trânsito, segurança no lar, combate à exploração e abuso sexual de crianças e economia familiar. A palestra de alimentação saudável será realizada nesta sexta-feira (17).