Notícia | MÚSIV

Após cinco AVCs, estado de saúde de Luiz Carlos Magno é delicado


Filha do cantor recifense conversou com Ednaldo Santos e desabafou. Luiz Carlos Magno está em estado grave e precisa de doações

Publicado em 18/11/2016, às 11:57

usical e destinado ao público jovem da época.
Rádio Jornal


Após boatos de que o cantor pernambucano Luiz Carlos Magno, de 77 anos, havia falecido, o comunicador Ednaldo Santos conversou com a filha do artista, que está internado em um hospital em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro. De acordo com Jennifer Eduarda Silva, o estado do cantor é grave. Ele apresenta uma paralisia do lado direito do cérebro, já não anda nem fala.

Jennifer afirma que, na noite da última quarta-feira (16), Luiz Carlos apresentou uma melhora e pediu para sentar. Como este é o quinto Acidente Vascular Cerebral em oito anos, as sequêlas são bem profundas. Ela afirma que o artista está "praticamente abandonado", vive com um salário mínimo de aposentado e não recebe mais nada por sua música. "A gente não sabia que ele ainda tinha tinha esse grande sucesso. Não está sendo uma, várias pessoas estão nos ligando e querendo saber dele, dizendo que tocam a música dele", diz. "Se não fosse o apoio da família, meu pai tinha morrido há muito tempo", desabafa.

Na conversa com Ednaldo Santos, Jennifer afirma que Luiz Calos precisa da colaboração de amigos e fãs para seguir o tratamento. Quem quiser ajudar, pode entrar em contato com ela pelo (21) 9.8719-6093.

CARREIRA

Nascido no Recife em 5 de dezembro de 1938, Luiz Carlos Magno iniciou sua carreira na década de 1960 cantando na TV Jornal. Entre os sucessos, Luiz Carlos se destacou na música romântica e nos frevos.

Com o sucesso, Luiz Carlos foi convidado para apresentar um programa musical destinado ao público jovem dchamado "Dimensão Jovem". Entre os maiores sucessos de Luiz Carlos está a música "Ave-Maria pro nosso amor". Ele também foi reconhecido pelas canções "Terminei com ela", "Ângela-la-la", "Meu castigo", "Rock nas quebradas", "Deixa ele falar sozinho", "Jurei mil vezes" e outras.

Entre as parcerias, Luiz Carlos gravou com Reginaldo Rossi. Há 12 anos, o cantor se mudou definitivamente para o Rio de Janeiro.

Recomendados para você

Comentários

Notícia

Após cinco AVCs, estado de saúde de Luiz Carlos Magno é delicado



Publicado em 18/11/2016, às 11:57


usical e destinado ao público jovem da época.
Rádio Jornal


Após boatos de que o cantor pernambucano Luiz Carlos Magno, de 77 anos, havia falecido, o comunicador Ednaldo Santos conversou com a filha do artista, que está internado em um hospital em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro. De acordo com Jennifer Eduarda Silva, o estado do cantor é grave. Ele apresenta uma paralisia do lado direito do cérebro, já não anda nem fala.

Jennifer afirma que, na noite da última quarta-feira (16), Luiz Carlos apresentou uma melhora e pediu para sentar. Como este é o quinto Acidente Vascular Cerebral em oito anos, as sequêlas são bem profundas. Ela afirma que o artista está "praticamente abandonado", vive com um salário mínimo de aposentado e não recebe mais nada por sua música. "A gente não sabia que ele ainda tinha tinha esse grande sucesso. Não está sendo uma, várias pessoas estão nos ligando e querendo saber dele, dizendo que tocam a música dele", diz. "Se não fosse o apoio da família, meu pai tinha morrido há muito tempo", desabafa.

Na conversa com Ednaldo Santos, Jennifer afirma que Luiz Calos precisa da colaboração de amigos e fãs para seguir o tratamento. Quem quiser ajudar, pode entrar em contato com ela pelo (21) 9.8719-6093.

CARREIRA

Nascido no Recife em 5 de dezembro de 1938, Luiz Carlos Magno iniciou sua carreira na década de 1960 cantando na TV Jornal. Entre os sucessos, Luiz Carlos se destacou na música romântica e nos frevos.

Com o sucesso, Luiz Carlos foi convidado para apresentar um programa musical destinado ao público jovem dchamado "Dimensão Jovem". Entre os maiores sucessos de Luiz Carlos está a música "Ave-Maria pro nosso amor". Ele também foi reconhecido pelas canções "Terminei com ela", "Ângela-la-la", "Meu castigo", "Rock nas quebradas", "Deixa ele falar sozinho", "Jurei mil vezes" e outras.

Entre as parcerias, Luiz Carlos gravou com Reginaldo Rossi. Há 12 anos, o cantor se mudou definitivamente para o Rio de Janeiro.