Notícia | ECONOMIA E NEGÓCIOS

Clima de cautela e commodities fazem Bolsa cair 0,27%


O economista Ecio Costa comentou o recuo das commodities e a influência dessa estatística para a economia brasileira

Publicado em 19/04/2017, às 17:21

Rádio Jornal

Foto: Divulgação

O recuo das commodities e o cenário externo negativo fizeram o Ibovespa fechar em baixa nesta segunda (17), depois da alta de 2,40% da véspera. No campo doméstico, o adiamento da leitura do relatório final da reforma da Previdência na comissão especial da câmara contribuiu para azedar o humor dos investidores.

Ouça os detalhes na coluna Economia e Negócios



DÓLAR

O dólar fechou em alta, para a casa dos R$ 3,11. A valorização da moeda americana foi contida pela rolagem de contratos de swap cambial pelo banco central. No mercado de juros futuros, as taxas fecharam em baixa, com parte dos investidores apostando na aceleração do ritmo de queda da taxa básica de juros (selic) em maio.


Recomendados para você

Comentários

Notícia

Clima de cautela e commodities fazem Bolsa cair 0,27%



Publicado em 19/04/2017, às 17:21


Rádio Jornal

[IMAGEM]

O recuo das commodities e o cenário externo negativo fizeram o Ibovespa fechar em baixa nesta segunda (17), depois da alta de 2,40% da véspera. No campo doméstico, o adiamento da leitura do relatório final da reforma da Previdência na comissão especial da câmara contribuiu para azedar o humor dos investidores.

Ouça os detalhes na coluna Economia e Negócios

[uolmais_audio 16195709]

DÓLAR

O dólar fechou em alta, para a casa dos R$ 3,11. A valorização da moeda americana foi contida pela rolagem de contratos de swap cambial pelo banco central. No mercado de juros futuros, as taxas fecharam em baixa, com parte dos investidores apostando na aceleração do ritmo de queda da taxa básica de juros (selic) em maio.