Notícia | OPINIÃO

Emprego formal cai em março, após resultado positivo em fevereiro


Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) apontam que o país perdeu 63.624 vagas de emprego formal em março

Publicado em 21/04/2017, às 17:43

Rádio Jornal

Foto: Agência Brasil

O emprego com carteira assinada decepcionou em março após o resultado positivo em fevereiro, quando houve criação de 36 mil vagas formais e a expectativa de recuperação mais rápida do mercado de trabalho tinha tomado conta do governo. 



O país perdeu 63.624 vagas de emprego formal em março, de acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta quinta-feira (20) pelo Ministério do Trabalho. No mesmo mês do ano passado, a retração foi de 118 mil postos de trabalho.

Esse foi o assunto do economista Ecio Costa na coluna Economia e Negócios desta sexta-feira (21). Confira:


Recomendados para você

Publicidade

Comentários

Notícia

Emprego formal cai em março, após resultado positivo em fevereiro



Publicado em 21/04/2017, às 17:43


Rádio Jornal

[IMAGEM]

O emprego com carteira assinada decepcionou em março após o resultado positivo em fevereiro, quando houve criação de 36 mil vagas formais e a expectativa de recuperação mais rápida do mercado de trabalho tinha tomado conta do governo. 

O país perdeu 63.624 vagas de emprego formal em março, de acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta quinta-feira (20) pelo Ministério do Trabalho. No mesmo mês do ano passado, a retração foi de 118 mil postos de trabalho.

Esse foi o assunto do economista Ecio Costa na coluna Economia e Negócios desta sexta-feira (21). Confira:

[uolmais_audio 16197502]