Interior | Descaso

Agências bancárias do agreste deixam de funcionar e causam transtornos


Ações de bandidos deixa os atendimentos sobrecarregados em algumas cidades; agreste sofre com o ação de criminosos desde o ano passado

Publicado em 09/05/2017, às 09:48

Rádio Jornal
Rádio Jornal

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Os assaltos e explosões a agências no agreste do estado tem causado consequências nas principais cidades da região. Sem atendimento, nos municípios vizinhos, o Banco do Brasil de Limoeiro tem recebido clientes de Orobó, Cumaru, Passira, Feira Nova, João Alfredo e Machados. Desde de julho do ano passado, o atendimento está suspenso em boa parte das praças do interior. 



Confira a reportagem de Alfredo Neto

Comerciantes reclamam

Os lojistas das cidades afetadas pelos criminosos reclamam por serem obrigados a viajar com grandes quantias em dinheiro para fazer um depósito. Outro ponto preocupante é a diminuição no movimento comercial desses municípios, visto que os moradores também movimentam suas contas longe do comércio local. 


Recomendados para você

Publicidade

Comentários

Interior

Agências bancárias do agreste deixam de funcionar e causam transtornos



Publicado em 09/05/2017, às 09:48


Rádio Jornal
Rádio Jornal

[IMAGEM]

Os assaltos e explosões a agências no agreste do estado tem causado consequências nas principais cidades da região. Sem atendimento, nos municípios vizinhos, o Banco do Brasil de Limoeiro tem recebido clientes de Orobó, Cumaru, Passira, Feira Nova, João Alfredo e Machados. Desde de julho do ano passado, o atendimento está suspenso em boa parte das praças do interior. 

Confira a reportagem de Alfredo Neto

[uolmais_audio 16211650]

Comerciantes reclamam

Os lojistas das cidades afetadas pelos criminosos reclamam por serem obrigados a viajar com grandes quantias em dinheiro para fazer um depósito. Outro ponto preocupante é a diminuição no movimento comercial desses municípios, visto que os moradores também movimentam suas contas longe do comércio local.