Escrete de Ouro | Futebol

Na estréia de Givanildo Oliveira, Santa vence o Brasil de Pelotas


Santa Cruz faz o dever de casa, derrota o Brasil de Pelotas e se aproxima do G4

Publicado em 07/07/2017, às 22:14

Rádio Jornal
Fellipe Leandro

Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Com um bom ímpeto ofensivo, o Santa Cruz venceu o Brasil de Pelotas por 3 A 0 pela 12ª rodada do campeonato brasileiro da série B, na noite desta sexta feira, na Arena Pernambuco. O time Pernambucano exibiu um bom futebol na estréia do novo treinador, Givanildo Oliveira. Com a vitória do hoje, o time coral ocupa a 5ª colocação e se aproxima do G4.

Ouça os gols na voz de Roberto Queiróz:

 

O jogo

A proposta de jogo do time do Rio Grande do Sul era clara: se defender e sair rápido no contra ataque. Quando o Santa tinha a posse de bola, o Brasil de Pelotas  se fechava não dando espaço para o setor criativo do time coral. Uma postura que já vinha sendo adotada pelo técnico Rogério Zimmermann em outros jogos.

A primeira boa oportunidade do Santa foi aos 5 minutos da etapa inicial. Roberto arriscou um chute de fora da área exigindo uma boa defesa de Eduardo Martini. Aos 15 minutos foi a vez do Brasil chegar com perigo. Breno cruzou da esquerda  para Lincom que cabeceou, Júlio César defendeu.

Outra boa chegada do Santa foi aos 22 minutos. Ricardo Bueno chutou da ponta da área, e Eduardo defendeu de forma esquisita. A bola quase entrou. Daí em diante, o time Pernambucano tomou conta do primeiro tempo. Aos 28 minutos,  Elicarlos recebeu  a bola na entrada da área e bateu de primeira, Martini espalmou para o escanteio.Um minuto depois Derley abriu a contagem para o Santa Cruz. O volante chutou de fora da área e pegou o goleiro do Brasil mal posicionado. Um belo gol do jogador coral. Aos 42 o Santa ampliou o placar em ótimo contra-ataque, Augusto disparou e deixou João Paulo na cara gol. O meia tocou na saída do goleiro Eduardo Martini.



O Santa Cruz voltou para o segundo tempo com o mesmo ritmo da primeira etapa.  Aos 7 minutos, André Luís mandou uma bomba de canhota que explodiu no travessão. O Brasil voltou a ter outra oportunidade para diminuir o placar aos 25 minutos. Rafinha lançou Marcinho que chutou e a bola em cima da marcação. Na sobra Rafinha chutou torto.  Um minuto depois, Ricardo Bueno ampliou a vantagem para o Tricolor do Arruda. O Atacante recebeu a bola, girou e mandou um chutaço de fora área no ângulo direito de Martini, que estava adiantado. O time coral ainda chegou mais uma vez com perigo aos 33 minutos em uma jogada de William Barbio, mas o placar terminou mesmo  Santa cruz 3 x 0 Brasil de Pelotas.

O Santa voltou a vencer após quatro partidas e se aproxima do G4. A próxima partida do time tricolor, será contra o Luverdense em Passo das Emas, Mato Grosso, na terça feira (11) às 21:30.

Ficha do jogo

Santa Cruz: Júlio César; Nininho, Bruno Silva, Jaime e Roberto; Elicarlos (Welligton Cézar), Derley e João Paulo; André Luís, Augusto (William Bardio)e Ricardo Bueno. Técnico: Givanildo Oliveira.

Brasil de Pelotas: Eduardo Martini; Ednei (Wender), Teco, Leandro Camilo e Breno; Leandro Leite, Itaqui, Rafinha, Wagner (Juninho), e Marcinho; Lincom (Rodrigo Silva). Técnico: Rogério Zimmermann

Gols: Derley (SAN) 29/1°T,  João Paulo (SAN) 42/1°T e Ricardo Bueno (SAN) 26/2°T.

Público: 6.009

Renda: 55.880 reais 


Recomendados para você

Comentários

Escrete de Ouro

Na estréia de Givanildo Oliveira, Santa vence o Brasil de Pelotas



Publicado em 07/07/2017, às 22:14


Rádio Jornal
Fellipe Leandro

[IMAGEM]

Com um bom ímpeto ofensivo, o Santa Cruz venceu o Brasil de Pelotas por 3 A 0 pela 12ª rodada do campeonato brasileiro da série B, na noite desta sexta feira, na Arena Pernambuco. O time Pernambucano exibiu um bom futebol na estréia do novo treinador, Givanildo Oliveira. Com a vitória do hoje, o time coral ocupa a 5ª colocação e se aproxima do G4.

Ouça os gols na voz de Roberto Queiróz:

[uolmais_audio 16263532]

[uolmais_audio 16263540]

[uolmais_audio 16263541]

 

O jogo

A proposta de jogo do time do Rio Grande do Sul era clara: se defender e sair rápido no contra ataque. Quando o Santa tinha a posse de bola, o Brasil de Pelotas  se fechava não dando espaço para o setor criativo do time coral. Uma postura que já vinha sendo adotada pelo técnico Rogério Zimmermann em outros jogos.

A primeira boa oportunidade do Santa foi aos 5 minutos da etapa inicial. Roberto arriscou um chute de fora da área exigindo uma boa defesa de Eduardo Martini. Aos 15 minutos foi a vez do Brasil chegar com perigo. Breno cruzou da esquerda  para Lincom que cabeceou, Júlio César defendeu.

Outra boa chegada do Santa foi aos 22 minutos. Ricardo Bueno chutou da ponta da área, e Eduardo defendeu de forma esquisita. A bola quase entrou. Daí em diante, o time Pernambucano tomou conta do primeiro tempo. Aos 28 minutos,  Elicarlos recebeu  a bola na entrada da área e bateu de primeira, Martini espalmou para o escanteio.Um minuto depois Derley abriu a contagem para o Santa Cruz. O volante chutou de fora da área e pegou o goleiro do Brasil mal posicionado. Um belo gol do jogador coral. Aos 42 o Santa ampliou o placar em ótimo contra-ataque, Augusto disparou e deixou João Paulo na cara gol. O meia tocou na saída do goleiro Eduardo Martini.

O Santa Cruz voltou para o segundo tempo com o mesmo ritmo da primeira etapa.  Aos 7 minutos, André Luís mandou uma bomba de canhota que explodiu no travessão. O Brasil voltou a ter outra oportunidade para diminuir o placar aos 25 minutos. Rafinha lançou Marcinho que chutou e a bola em cima da marcação. Na sobra Rafinha chutou torto.  Um minuto depois, Ricardo Bueno ampliou a vantagem para o Tricolor do Arruda. O Atacante recebeu a bola, girou e mandou um chutaço de fora área no ângulo direito de Martini, que estava adiantado. O time coral ainda chegou mais uma vez com perigo aos 33 minutos em uma jogada de William Barbio, mas o placar terminou mesmo  Santa cruz 3 x 0 Brasil de Pelotas.

O Santa voltou a vencer após quatro partidas e se aproxima do G4. A próxima partida do time tricolor, será contra o Luverdense em Passo das Emas, Mato Grosso, na terça feira (11) às 21:30.

Ficha do jogo

Santa Cruz: Júlio César; Nininho, Bruno Silva, Jaime e Roberto; Elicarlos (Welligton Cézar), Derley e João Paulo; André Luís, Augusto (William Bardio)e Ricardo Bueno. Técnico: Givanildo Oliveira.

Brasil de Pelotas: Eduardo Martini; Ednei (Wender), Teco, Leandro Camilo e Breno; Leandro Leite, Itaqui, Rafinha, Wagner (Juninho), e Marcinho; Lincom (Rodrigo Silva). Técnico: Rogério Zimmermann

Gols: Derley (SAN) 29/1°T,  João Paulo (SAN) 42/1°T e Ricardo Bueno (SAN) 26/2°T.

Público: 6.009

Renda: 55.880 reais