Notícia | Crime

Mãe de jovem encontrado morto em Beberibe suspeita de crime passional


Luca Fasanaro foi reencontrado pela família no começo do mês passado após passar três dias desaparecido; mãe também suspeita de rixa

Publicado em 17/07/2017, às 11:26

Rádio Jornal

Reprodução/TV Jornal
Reprodução/TV Jornal

Após ser reencontrado pela família no começo do mês passado, o jovem Luca Fasanaro, 22, foi encontrado morto na Estrada do Caenga, no bairro de Beberibe, Zona Norte do Recife, com um tiro no pescoço na tarde deste domingo (16). O crime aconteceu por volta das 14h. A mãe da vítima, Michelle Fasanaro, lamentou a morte de Luca em sua rede social, e, em entrevista a Rádio Jornal, afirmou que suspeita que um crime passional vitimou o filho. 

Saiba mais com a repórter Juliana Oliveira:

O corpo de Luca foi liberado pelo IML na manhã de hoje. O velório acontece ainda nesta segunda-feira (17), no cemitério de Santo Amaro, às 16h, na região central do Recife. A família suspeita que o crime teria sido passional. "A ex-esposa dele é um inferno. A mãe da dela filmou o meu filho morto, postou e debochou dele. Eu não vou admitir isso", afirmou a mãe Michelle.

O Instituto de Criminalística (IC) encontrou o corpo em um beco rodeado de lixo e com ferimentos de quatro disparos de arma de fogo. As circunstâncias do crime ainda estão sob investigação. 



Amigos de Luca, que era torcedor do Náutico e membro da torcida organizada Fanáutico, prestaram uma homenagem a vítima em frente ao IML.

Desaparecimento 

Luca Fasanaro foi reencontrado pela família após desaparecer por três dias no começo do mês passado. Ainda segundo a mãe da vítima, ele teria ido encontrar uma cliente em frente a uma loja de sapatos no bairro de Beberibe, na Zona Norte do Recife. Luca teria ido buscar parte do pagamento de um encomenda de kit festas, que comercializava com sua esposa. 

Drama familiar

A tia de Luca Fasanaro, Danielle Fasanaro, foi morta pelo marido em junho de 2013. Na época com 36 anos, ela foi feita de refém pelo marido no bairro de Casa Caiada, em Olinda, juntamente ao seu filho, que ficou ferido. Foram mais de três horas de cárcere, que terminou com a prisão do homem pela polícia. 

Luca Fasanaro seria testemunha do caso de Danielle Fasanaro, e estava com audiência marcada para o próximo dia 24 de agosto. 


Recomendados para você

Comentários

Notícia

Mãe de jovem encontrado morto em Beberibe suspeita de crime passional



Publicado em 17/07/2017, às 11:26


Rádio Jornal

[IMAGEM]

Após ser reencontrado pela família no começo do mês passado, o jovem Luca Fasanaro, 22, foi encontrado morto na Estrada do Caenga, no bairro de Beberibe, Zona Norte do Recife, com um tiro no pescoço na tarde deste domingo (16). O crime aconteceu por volta das 14h. A mãe da vítima, Michelle Fasanaro, lamentou a morte de Luca em sua rede social, e, em entrevista a Rádio Jornal, afirmou que suspeita que um crime passional vitimou o filho. 

Saiba mais com a repórter Juliana Oliveira:

O corpo de Luca foi liberado pelo IML na manhã de hoje. O velório acontece ainda nesta segunda-feira (17), no cemitério de Santo Amaro, às 16h, na região central do Recife. A família suspeita que o crime teria sido passional. "A ex-esposa dele é um inferno. A mãe da dela filmou o meu filho morto, postou e debochou dele. Eu não vou admitir isso", afirmou a mãe Michelle.

O Instituto de Criminalística (IC) encontrou o corpo em um beco rodeado de lixo e com ferimentos de quatro disparos de arma de fogo. As circunstâncias do crime ainda estão sob investigação. 

Amigos de Luca, que era torcedor do Náutico e membro da torcida organizada Fanáutico, prestaram uma homenagem a vítima em frente ao IML.

Desaparecimento 

Luca Fasanaro foi reencontrado pela família após desaparecer por três dias no começo do mês passado. Ainda segundo a mãe da vítima, ele teria ido encontrar uma cliente em frente a uma loja de sapatos no bairro de Beberibe, na Zona Norte do Recife. Luca teria ido buscar parte do pagamento de um encomenda de kit festas, que comercializava com sua esposa. 

Drama familiar

A tia de Luca Fasanaro, Danielle Fasanaro, foi morta pelo marido em junho de 2013. Na época com 36 anos, ela foi feita de refém pelo marido no bairro de Casa Caiada, em Olinda, juntamente ao seu filho, que ficou ferido. Foram mais de três horas de cárcere, que terminou com a prisão do homem pela polícia. 

Luca Fasanaro seria testemunha do caso de Danielle Fasanaro, e estava com audiência marcada para o próximo dia 24 de agosto.