Notícia | PRISÃO

Polícia prende suspeito de assaltar promotor Ugiette no Recife


O promotor Marcellus Ugiette foi assaltado próximo ao Palácio do Governo e do TJPE no ultimo dia 26

Publicado em 04/08/2017, às 11:52

Rádio Jornal

Foto: Léo Motta / JC Imagem

A Polícia Civil de Pernambuco divulgou, na manhã desta sexta-feira (4), a prisão do suspeito de assaltar o promotor da Vara de Execuções Penais de Pernambuco, Marcellus Ugiette.

Ele foi assaltado no último dia 26 de julho, quando saía de uma agência bancária perto da sede do governo estadual, no Centro do Recife.

De acordo com a polícia, no momento da captura, o suspeito estava preste a cometer um outro assalto na modalidade “saidinha de banco”, nas proximidades da Casa da Cultura. O homem foi preso nessa quinta-feira (3).

>> Promotor Ugiette é assaltado próximo ao Palácio do Governo e do TJPE

Com ele, a polícia apreendeu uma arma calibre 380, um carro e três celulares. O suspeito, de acordo com a polícia pernambucana, é natural do Ceará, onde responde a diversos crimes.



A polícia ainda espera que com a divulgação, o reconhecimento de outras possíveis vítimas para ajudar na instrução do inquérito.

O ASSALTO

Em entrevista ao comunicador Ednaldo Santos, no dia do crime, o promotor relatou os momentos de pânico. A vítima foi ameaçada várias vezes pelo assaltante que estava armado. “Fiz um pagamento de umas contas na Caixa, desci com o restante do dinheiro e assim que saí do portão fui abordado por um cidadão com uma pistola ponto 40”, relatou. “O mais impressionante é que ele não quis minha pasta, meu celular, só queria meu paletó e o dinheiro que estava dentro do paletó (...) Ele sabia de tudo”, completou o promotor.

Segundo o Marchellus Ugiette, o assalto mostra “É uma mostra de que a gente está absolutamente inseguro em qualquer lugar. Não é só nos guetos, na favela”, disse. “Eu não vou falar que não fui assaltado em Paris não, viu?”, ironizou o promotor, em alusão à frase polêmica do secretário de Planejamento e Gestão, Márcio Stefanni.


Recomendados para você

Comentários

Notícia

Polícia prende suspeito de assaltar promotor Ugiette no Recife



Publicado em 04/08/2017, às 11:52


Rádio Jornal

[IMAGEM]

A Polícia Civil de Pernambuco divulgou, na manhã desta sexta-feira (4), a prisão do suspeito de assaltar o promotor da Vara de Execuções Penais de Pernambuco, Marcellus Ugiette.

Ele foi assaltado no último dia 26 de julho, quando saía de uma agência bancária perto da sede do governo estadual, no Centro do Recife.

De acordo com a polícia, no momento da captura, o suspeito estava preste a cometer um outro assalto na modalidade “saidinha de banco”, nas proximidades da Casa da Cultura. O homem foi preso nessa quinta-feira (3).

>> Promotor Ugiette é assaltado próximo ao Palácio do Governo e do TJPE

Com ele, a polícia apreendeu uma arma calibre 380, um carro e três celulares. O suspeito, de acordo com a polícia pernambucana, é natural do Ceará, onde responde a diversos crimes.

A polícia ainda espera que com a divulgação, o reconhecimento de outras possíveis vítimas para ajudar na instrução do inquérito.

O ASSALTO

Em entrevista ao comunicador Ednaldo Santos, no dia do crime, o promotor relatou os momentos de pânico. A vítima foi ameaçada várias vezes pelo assaltante que estava armado. “Fiz um pagamento de umas contas na Caixa, desci com o restante do dinheiro e assim que saí do portão fui abordado por um cidadão com uma pistola ponto 40”, relatou. “O mais impressionante é que ele não quis minha pasta, meu celular, só queria meu paletó e o dinheiro que estava dentro do paletó (...) Ele sabia de tudo”, completou o promotor.

Segundo o Marchellus Ugiette, o assalto mostra “É uma mostra de que a gente está absolutamente inseguro em qualquer lugar. Não é só nos guetos, na favela”, disse. “Eu não vou falar que não fui assaltado em Paris não, viu?”, ironizou o promotor, em alusão à frase polêmica do secretário de Planejamento e Gestão, Márcio Stefanni.