Notícia | PESQUISA

Lula lidera cenários para 2018 mesmo após condenação, diz Datafolha


De acordo com a pesquisa, Lula tem 35% e Bolsonaro aparece entre 16% e 17%

Publicado em 30/09/2017, às 21:16

Rádio Jornal

Foto: Ricardo Stuckert / Instituto Lula

Mesmo após condenação na Operação Lava Jato, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se mantém na liderança da corrida presidencial de 2018. Segundo pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (30), o petista tem cerca de 35% das intenções de voto nos cenários testados e garante, assim, uma vantagem significativa em relação aos seus principais adversários.

De acordo com o levantamento publicado na "Folha de S. Paulo", o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) e a ex-senadora Marina Silva (Rede) estão empatados em segundo lugar. Na simulação de cada um dos candidatos contra Lula, Bolsonaro oscila entre 16% e 17% e Marina entre 13% e 14%.

Já os tucanos Geraldo Alckmin e João Doria apresentam desempenho equivalente na disputa com Lula, Bolsonaro e Marina. Ambos têm 8% das intenções de voto.

SIMULAÇÃO DE SEGUNDO TURNO TEM LULA NA FRENTE

Nas simulações de segundo turno, o ex-presidente, pela primeira vez, vence todos os adversários. Porém, se o juiz Sergio Moro concorrer (possibilidade que ele descarta), teríamos um empate técnico.



Na pesquisa anterior, realizada no mês de junho, Lula já vencia os principais concorrentes no segundo turno, mas empatava também com Marina.

Contudo, se o ex-presidente for condenado em segunda instância pelo Tribunal Regional Federal por conta do caso do tríplex em Guarujá, ele pode se tornar inelegível. Caso isso ocorra, a transferência de votos para outro petista é bastante restrita. Segundo pesquisa, apenas 26% dos entrevistados dizem que votariam em alguém indicado por ele.

A pesquisa foi realizada na última quarta-feira (27) e na quinta-feira (28). O Datafolha fez 2.772 entrevistas em 194 cidades. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.


Recomendados para você

Comentários

Notícia

Lula lidera cenários para 2018 mesmo após condenação, diz Datafolha



Publicado em 30/09/2017, às 21:16


Rádio Jornal

[IMAGEM]

Mesmo após condenação na Operação Lava Jato, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se mantém na liderança da corrida presidencial de 2018. Segundo pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (30), o petista tem cerca de 35% das intenções de voto nos cenários testados e garante, assim, uma vantagem significativa em relação aos seus principais adversários.

De acordo com o levantamento publicado na "Folha de S. Paulo", o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) e a ex-senadora Marina Silva (Rede) estão empatados em segundo lugar. Na simulação de cada um dos candidatos contra Lula, Bolsonaro oscila entre 16% e 17% e Marina entre 13% e 14%.

Já os tucanos Geraldo Alckmin e João Doria apresentam desempenho equivalente na disputa com Lula, Bolsonaro e Marina. Ambos têm 8% das intenções de voto.

SIMULAÇÃO DE SEGUNDO TURNO TEM LULA NA FRENTE

Nas simulações de segundo turno, o ex-presidente, pela primeira vez, vence todos os adversários. Porém, se o juiz Sergio Moro concorrer (possibilidade que ele descarta), teríamos um empate técnico.

Na pesquisa anterior, realizada no mês de junho, Lula já vencia os principais concorrentes no segundo turno, mas empatava também com Marina.

Contudo, se o ex-presidente for condenado em segunda instância pelo Tribunal Regional Federal por conta do caso do tríplex em Guarujá, ele pode se tornar inelegível. Caso isso ocorra, a transferência de votos para outro petista é bastante restrita. Segundo pesquisa, apenas 26% dos entrevistados dizem que votariam em alguém indicado por ele.

A pesquisa foi realizada na última quarta-feira (27) e na quinta-feira (28). O Datafolha fez 2.772 entrevistas em 194 cidades. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.