Notícia | Política

Lula amplia em 4 pontos sua vantagem contra Bolsonaro no 2º turno


O ex-presidente petista lidera em todos os cenários de segundo turno para as eleições presidenciais de 2018

Publicado em 02/12/2017, às 17:42

Rádio Jornal

Foto: Reprodução

O ex-presidente Lula, pré-candidato do PT à Presidência da República em 2018, aumentou sua vantagem contra o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) em uma nova pesquisa do Instituto Datafolha divulgada neste sábado (2). Segundo a pesquisa, Lula teria 51% e Bolsonaro 33% das intenções de voto, caso a eleição acontecesse agora. Os números apresentam um crescimento de 4% de Lula contra Bolsonaro, quando comparado com a pesquisa do mesmo instituto divulgada em setembro.

O petista ganha em todas as simulações de segundo turno feitas pelo Datafolha. Contra o governado de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), Lula teria 52% e o tucano teria 30%. Já no cenário em que a ex-senadora Marina Silva (Rede) aparece como adversária do ex-presidente no segundo turno da eleição presidencial, Lula teria 48% e a ex-senadora 35%.

Marina Silva anunciou sua pré-candidatura à Presidência em 2018 na tarde desse sábado, em evento convocado pela Rede Sustentabilidade em Brasília.



Primeiro turno:

No cenário estimulado, quando o eleitor recebe nomes dos candidatos e escolhe um deles, o ex-presidente também figura no primeiro lugar em todas as situação.

Lula tem 34%, contra 17% de Bolsonaro e 9% de Marina, tecnicamente emparada com Alckmin no terceiro lugar.

Ciro Gomes, do PDT, tem 6% e o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa aparece com 5%.

No cenário em que Alckmin é substituído pelo prefeito de São Paulo, João Doria, como candidato do PSDB, os tucanos ficam com 5% das intenções de votos.

O Datafolha ouviu 2.765 pessoas entre os dias 29 e 30 de novembro, em 192 cidades. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.


Recomendados para você

Comentários

Notícia

Lula amplia em 4 pontos sua vantagem contra Bolsonaro no 2º turno



Publicado em 02/12/2017, às 17:42


Rádio Jornal

[IMAGEM]

O ex-presidente Lula, pré-candidato do PT à Presidência da República em 2018, aumentou sua vantagem contra o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) em uma nova pesquisa do Instituto Datafolha divulgada neste sábado (2). Segundo a pesquisa, Lula teria 51% e Bolsonaro 33% das intenções de voto, caso a eleição acontecesse agora. Os números apresentam um crescimento de 4% de Lula contra Bolsonaro, quando comparado com a pesquisa do mesmo instituto divulgada em setembro.

O petista ganha em todas as simulações de segundo turno feitas pelo Datafolha. Contra o governado de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), Lula teria 52% e o tucano teria 30%. Já no cenário em que a ex-senadora Marina Silva (Rede) aparece como adversária do ex-presidente no segundo turno da eleição presidencial, Lula teria 48% e a ex-senadora 35%.

Marina Silva anunciou sua pré-candidatura à Presidência em 2018 na tarde desse sábado, em evento convocado pela Rede Sustentabilidade em Brasília.

Primeiro turno:

No cenário estimulado, quando o eleitor recebe nomes dos candidatos e escolhe um deles, o ex-presidente também figura no primeiro lugar em todas as situação.

Lula tem 34%, contra 17% de Bolsonaro e 9% de Marina, tecnicamente emparada com Alckmin no terceiro lugar.

Ciro Gomes, do PDT, tem 6% e o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa aparece com 5%.

No cenário em que Alckmin é substituído pelo prefeito de São Paulo, João Doria, como candidato do PSDB, os tucanos ficam com 5% das intenções de votos.

O Datafolha ouviu 2.765 pessoas entre os dias 29 e 30 de novembro, em 192 cidades. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.