Notícia | CATOLICISMO

Campanha da Fraternidade 2018 chama população para combater violência


Para marcar início da Campanha da Fraternidade 2018, arcebispo de Olinda e Recife celebrou uma missa na Fazenda da Esperança

Publicado em 14/02/2018, às 16:50

Rádio Jornal

Foto: Diego Nigro/ JC Imagem

Os católicos iniciam nesta Quarta-feira de Cinzas os quarenta dias que antecedem a festa da Páscoa, período conhecido como Quaresma. Com o novo período do ano litúrgico será lançada a Campanha da Fraternidade 2018, que traz como tema a "Fraternidade e superação da violência", sob o lema “Vós sois todos irmãos”, uma passagem bíblica.

Uma missa foi celebrada às 15h pelo arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, na Fazenda da Esperança Padre Antônio Henrique, na Muribeca, Jaboatão dos Guararapes.

Ao convidar a sociedade para debater o tema da violência, a igreja católica e a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) pretendem chamar a atenção para o fato de que, por trás de cada vítima, há uma narrativa de vida. Com isso, a Igreja Católica aproveita o momento para propor uma reflexão do cotidiano sob a ótica cristã.

O coordenador da Pastoral das Comunicações da Arquidiocese, o padre Luciano Brito ressalta a cultura de paz. “A igreja convida, a partir do Papa Francisco, para a gente buscar, no diálogo constante entre as várias camadas da sociedade a superação da violência (...) A gente tem que promover uma cultura de paz, onde a gente possa compreender o outro”, destacou.  



Fazenda da Esperança

O arcebispo Dom Fernando Saburido escolheu a Fazenda da Esperança para a solenidade com objetivo de chamar a atenção para uma obra que contribui para redução da violência. “Aqui nós teremos pessoas que virão para cá completamente arrasadas e que poderão, a partir de gestos de amor e de todo um acompanhamento psicológico e pessoal, mudar de vida”, destacou o arcebispo.

Ele ainda destaca que a sociedade precisa se movimentar no combate ao problema. “É preciso que esse trabalho inspire outras iniciativas para que de fato possamos superar a violência. Que não dependa apenas do governo, eles têm que fazer a parte deles também e são os mais responsáveis, mas também nós precisamos fazer a nossa para que tudo contribua para que tudo contribua para que haja paz”, apontou Dom Fernando.

Confira os detalhes no flash de Isa Maria:

A fazenda vem sendo construída há pouco mais de um ano para atender dependentes químicos que queiram deixar o vício. A primeira casa e o refeitório estão prontos, mas ainda faltam três casas, de acordo com o projeto original.

Quem puder ajudar, pode depositar qualquer quantia na conta do Banco do Brasil com agência 0934-2, conta corrente 73.314-8, o depósito é em nome da Obra Social Nossa Senhora da Glória Fazenda da Esperança.


Recomendados para você

Comentários

Notícia

Campanha da Fraternidade 2018 chama população para combater violência



Publicado em 14/02/2018, às 16:50


Rádio Jornal

[IMAGEM]

Os católicos iniciam nesta Quarta-feira de Cinzas os quarenta dias que antecedem a festa da Páscoa, período conhecido como Quaresma. Com o novo período do ano litúrgico será lançada a Campanha da Fraternidade 2018, que traz como tema a "Fraternidade e superação da violência", sob o lema “Vós sois todos irmãos”, uma passagem bíblica.

Uma missa foi celebrada às 15h pelo arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, na Fazenda da Esperança Padre Antônio Henrique, na Muribeca, Jaboatão dos Guararapes.

Ao convidar a sociedade para debater o tema da violência, a igreja católica e a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) pretendem chamar a atenção para o fato de que, por trás de cada vítima, há uma narrativa de vida. Com isso, a Igreja Católica aproveita o momento para propor uma reflexão do cotidiano sob a ótica cristã.

O coordenador da Pastoral das Comunicações da Arquidiocese, o padre Luciano Brito ressalta a cultura de paz. “A igreja convida, a partir do Papa Francisco, para a gente buscar, no diálogo constante entre as várias camadas da sociedade a superação da violência (...) A gente tem que promover uma cultura de paz, onde a gente possa compreender o outro”, destacou.  

Fazenda da Esperança

O arcebispo Dom Fernando Saburido escolheu a Fazenda da Esperança para a solenidade com objetivo de chamar a atenção para uma obra que contribui para redução da violência. “Aqui nós teremos pessoas que virão para cá completamente arrasadas e que poderão, a partir de gestos de amor e de todo um acompanhamento psicológico e pessoal, mudar de vida”, destacou o arcebispo.

Ele ainda destaca que a sociedade precisa se movimentar no combate ao problema. “É preciso que esse trabalho inspire outras iniciativas para que de fato possamos superar a violência. Que não dependa apenas do governo, eles têm que fazer a parte deles também e são os mais responsáveis, mas também nós precisamos fazer a nossa para que tudo contribua para que tudo contribua para que haja paz”, apontou Dom Fernando.

Confira os detalhes no flash de Isa Maria:

[uolmais_audio 16395380]

A fazenda vem sendo construída há pouco mais de um ano para atender dependentes químicos que queiram deixar o vício. A primeira casa e o refeitório estão prontos, mas ainda faltam três casas, de acordo com o projeto original.

Quem puder ajudar, pode depositar qualquer quantia na conta do Banco do Brasil com agência 0934-2, conta corrente 73.314-8, o depósito é em nome da Obra Social Nossa Senhora da Glória Fazenda da Esperança.