Armando Monteiro chama Bolsonaro de bisonho e defende contradições políticas


Geraldo Freire
Geraldo Freire
Publicado em 09/08/2018 às 12:07
Leitura:

O segundo candidato ao Governo de Pernambuco a ser entrevistado pelo Rádio Jornal, Armando Monteiro Neto (PDT) afirmou que as contradições fazem parte da política brasileira e defendeu a aliança com o deputado Mendonça Filho (DEM-PE), candidato a senador na chapa de oposição a Paulo Câmara. Armando reafirmou o apoio à candidatura de Lula e disse que Jair Bolsonaro é bisonho. O candidato de extrema diteira, porém, disputa a eleição pelo PSL, que faz parte da sua coligação local de Armando.