Jungmann concorda com transferência de presos de alta periculosidade, mas é contra presença de advogados dentro dos presídios

Geraldo Freire
Geraldo Freire
Publicado em 14/02/2019 às 9:00
Leitura:

O Passando a Limpo desta quinta-feira (14) repercutiu as principais notícias do dia. Entre elas, a transferência de integrantes de facções criminosas para presídios de segurança máxima. Quem falou sobre o assunto foi o ex-ministro da Defesa e Segurança Pública, Raul Jungmann. Ele foi entrevistado pela bancada composta por Geraldo Freire, Wagner Gomes, Ivanildo Sampaio e Romoaldo de Souza. À Rádio Jornal, Jungmann comentou ainda a pauta de insegurança e voltou a criticar uma possível liberação do porte de armas no Brasil. De acordo com ele, seria arriscado liberar o porte porque os brasileiros tenderiam a pensar individualmente e se esqueceriam do coletivo.