'É um partido que já não se pode conviver', diz Armando Monteiro sobre saída do PTB

Passando a Limpo: A saída foi decidida após os rumores de trocas no comando estadual da sigla. Armando deixa o partido seis dias depois de declarar apoio a candidata à Prefeitura do Recife, Marília Arraes (PT). A bancada desta terça-feira (24) - composta por Maria Luiza Borges, Romoaldo de Souza e Wagner Gomes - debateu o assunto com o ex-senador Armando Monteiro Neto.