GERENCIAMENTO

BBB 22: confinados pagam até R$ 60 mil para adms de redes sociais; saiba como funciona


Os participantes do Big Brother Brasil devem contar com um time preparado para promover conteúdos nas redes sociais

Gabriel Inácio
Gabriel Inácio
Publicado em 10/01/2022 às 17:24
Notícia
DIVULGAÇÃO/TV GLOBO
O BBB 22 só estreia em 17 de janeiro, mas já agita a web há meses - FOTO: DIVULGAÇÃO/TV GLOBO
Leitura:

Além de enfrentar as provas de resistência, confinamento e inimigos na casa mais vigiada do Brasil, os participantes do Big Brother Brasil devem contar com um time preparado para promover conteúdos nas redes sociais.

Os "adms", além de estarem na torcida pelo participante, devem estar atentos a tudo o que acontece nas 24h do reality.

.

Quanto custa o trabalho do adm? 

Esses profissionais de gerenciamento de redes sociais cobram, em média, R$ 2 mil mensais só para gerenciar o Twitter.

Com um pacote completo que incluí publicitários, jornalistas, designers e editores de vídeo o valor pode chegar a R$ 20 mil mensais, incluindo outras redes sociais com o Instagram. Em três meses, duração do programa, o brother vai ter que desembolsar R$ 60 mil.

No entanto, a equipe será responsável por todo o conteúdo, edição de textos e vídeos, produção de conteúdo em tempo real e gerenciamento de crise.

Quando começa o BBB 22?

O Big Brother Brasil 22, maior reality show da TV brasileira e exibido pela TV Globo, começa no próximo dia 17 de janeiro. O site da Rádio Jornal faz a cobertura completa do BBB 22. Confira as últimas notícias do reality show clicando aqui. (Relembre as maiores brigas da história do BBB, clicando aqui)

Comentários


Mais Lidas