NOVELA

A FAVORITA: Confira curiosidades da próxima novela do Vale a Pena Ver de Novo

Novela vai ao ar novamente depois de 14 anos

Paloma Xavier
Paloma Xavier
Publicado em 12/05/2022 às 18:05 | Atualizado em 12/05/2022 às 18:07
Notícia
DIVULGAÇÃO
Dupla sertaneja Faísca e Espoleta, composta por Flora (Patrícia Pillar) e Donatela (Claudia Raia) - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

O Vale a Pena Ver de Novo é conhecido por trazer de volta novelas de sucesso da TV Globo. Alguns dos sucessos reprisados foram Chocolate com Pimenta, Alma Gêmea e O Clone.

A próxima novela a ser reprisada no Vale a Pena Ver de Novo é A Favorita. A produção que foi ao ar pela primeira vez em 2008 volta às telinhas na próxima segunda-feira, 16 de maio.

.
QUEM É A VILÃ DE A FAVORITA?

Em algumas tramas, o personagem mais marcante é o protagonista. Mas, às vezes, quem rouba a cena é o vilão. E a vilã de A Favorita marcou os telespectadores que acompanharam a primeira exibição da novela.

Vale lembrar que a produção ficou famosa por tornar um mistério quem era a mocinha e quem era a vilã.

A antagonista de A Favorita, na verdade, é Flora (Patrícia Pillar). Ela era integrante da dupla sertaneja Faísca e Espoleta, junto a Donatela (Claudia Raia). As duas fizeram sucesso cantando “Beijinho Doce”, música que ficou na cabeça de muitos telespectadores.

Entretanto, a carreira musical da dupla é interrompida quando Flora é presa, sob a acusação de ter matado o marido da companheira. Ela deixa a prisão disposta a provar sua inocência, acusando Donatela de ter cometido o crime.

CONFIRA ALGUMAS CURIOSIDADES SOBRE A FAVORITA

Estreia de João Emanuel Carneiro no horário nobre

A Favorita foi a primeira novela das nove de João Emanuel Carneiro. O horário é considerado “nobre” e tende a ter mais audiência. A novela foi ao ar pela primeira vez em junho de 2008.

A trama, que fez bastante sucesso na época, conta com muitas reviravoltas - inclusive sobre quem é mocinha e quem é vilã.

.

Globo/João Cotta
João Emanuel Carneiro, autor de A Favorita - Globo/João Cotta

João Emanuel Carneiro já tinha escrito Da Cor do Pecado - que foi, inclusive, a primeira novela a ter uma protagonista negra, vivida por Taís Araújo - e Cobras & Lagartos para o horário das 7.

Outras produções de sucesso do autor foram Avenida Brasil e A Regra do Jogo, exibidas posteriormente.

Paródia da novela

.

REPRODUÇÃO
Paródia de A Favorita - REPRODUÇÃO

Durante o período de exibição de A Favorita, a novela ganhou uma paródia em Casseta e Planeta, Urgente!, programa humorístico da emissora, chamada de A Periquita.

Morte da personagem de Juliana Paes

A atriz Juliana Paes vivia a jornalista Maíra em A Favorita, mas precisou deixar o elenco para protagonizar a novela substituta no horário, Caminhos da Índia, de Glória Perez.

.

TV Globo / Frederico Rozario
Juliana Paes viveu Maya em Caminho das Índias - TV Globo / Frederico Rozario

Como ela não podia simplesmente “desaparecer” da trama, sua personagem foi atropelada e depois assassinada por Flora no hospital.

Primeira vez sendo reprisada

.

TV GLOBO / Frederico Rozario
Flora (Patrícia Pillar) e Donatela (Claudia Raia) em A Favorita - TV GLOBO / Frederico Rozario

A Favorita será reprisada pela primeira vez na TV aberta, em Vale a Pena Ver de Novo. Mas a produção já estava disponível no catálogo do Globoplay. Ela foi, inclusive, a primeira das novelas da TV Globo disponibilizadas para o público na plataforma de streaming.

Premiada

.

DIVULGAÇÃO
Patrícia Pillar recebeu o prêmio de de melhor atriz da APCA - DIVULGAÇÃO

A Favorita não cativou apenas o público: a novela ganhou dois prêmios APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) de 2008. O prêmio de melhor autor foi recebido por João Emanuel Carneiro, e o de melhor atriz por Patrícia Pillar.

 

Comentários

Mais Lidas