JÔ SOARES

CAPITÃO GAY: Personagem de Jô Soares lutou por minorias nos anos 80

Conheça história de um dos personagens mais importantes de Jô Soares

Vitória Floro
Vitória Floro
Publicado em 05/08/2022 às 9:57
Notícia
Divulgação
Jô Soares como o Capitão Gay no Viva o Gordo - FOTO: Divulgação
Leitura:

A carreira de Jô Soares na televisão começou em 1956, quando ele entrou para o elenco do programa “Praça da Alegria”, na Record, onde ficou por 10 anos.

Mas, foi em 1981 que consagrou um de seus mais queridos personagens: o Capitão Gay. A criação surgiu quando Jô Soares já estava realizando trabalhos na Rede Globo, no programa "Viva o Gordo".

A atração foi o primeiro programa solo do artista e ficou no ar de 1981 até 1987. Dentre os personagens que divertiram a audiência, estava o Capitão Gay, um super-herói homossexual que usava um uniforme cor de rosa e andava sempre acompanhado de seu file ajudante Carlos Sueli (Eliezer Motta).

O símbolo, que poderia ser considerado até mesmo politicamente incorreto, surgiu para defender os "fracos e oprimidos", uma forma de representar a luta contra as classes mais marginalizadas da sociedade, como os homossexuais.

.

Jô Soares morre aos 84 anos; Veja carreira do apresentador e humorista

Morte de Jô

Jô Soares morreu na madrugada desta sexta-feira (5). O humorista estava internado para tratar de uma pneumonia desde o dia 25 de julho, no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.

A causa da morte ainda não foi divulgada.

 


Comentários

Mais Lidas