Desabafo de jogadores do Náutico e ameaça de greve é novo capítulo da novela do time


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 29/11/2013 às 8:06
Leitura:
Da Rádio Jornal Foto: Rômulo Alcoforado/ Blog do Torcedor Foto: Rômulo Alcoforado/ Blog do Torcedor O volante Martinez foi o porta-voz da equipe de jogadores do Náutico em entrevista coletiva na tarde dessa quinta-feira (28). O que deveria ter sido o horário do treino, se tornou um momento de desabafo da equipe, que fez duras criticas à diretoria do time e estipulou um prazo para que a diretoria regularize as pendências financeiras com o elenco. Nesta sexta-feira (29), os atletas podem definir outras ações, entre elas a de não treinar ou até mesmo radicalizar com uma greve. A possibilidade de não entrar em campo no Maracanã, no Rio de Janeiro, neste domingo (1º) não está descartada. Martinez disse, durante a entrevista coletiva na sala de imprensa da equipe, que existem outros problemas internos no Náutico. Há informações de que o material para treinar está em falta e que o café da manhã dos funcionários do clube foi cortado. Confira o vídeo com trecho da entrevista, feito pelo Blog do Torcedor: O presidente, Paulo Wanderley reconheceu que o atraso nos pagamentos se limita a poucos atletas. Martinez afirmou que o grupo está unido no sentido de reivindicar o que é de direito a todos os jogadores. Ouça aqui o trecho da entrevista:

Mais Lidas