VITÓRIA

Com um a menos, Sport vence Náutico por 2 x 0


Leão ampliou a liderança no Campeonato Pernambucano e agora tem 24 pontos. Náutico disputa vaga contra o Salgueiro no dia 5 de abril.

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 22/03/2015 às 19:52
Leitura:
Foto: Guga Matos/JC Imagem


Mesmo com um jogador expulso aos 30 minutos do primeiro tempo, o Sport carimbou a vitória na tarde deste domingo (22), na Arena Pernambuco. Ao contrário do Leão, que ampliou a liderança no Pernambucano e está com 24 pontos, os alvirrubros ainda terão o futuro decidido no Sertão. A partida será no estádio Cornélio de Barros, contra o Salgueiro, no dia 5 de abril.

O primeiro tempo foi marcado por muitos erros de passe e arbitragem conturbada. Aos 30 minutos, Joélinton foi expulso por supostamente dar uma cotovelada em Diego. No mesmo lance, dois jogadores advertidos: Diego Souza e Guilherme. Com a inferioridade numérica do Sport, o Náutico ganhou fôlego, mas não conseguiu marcar.

Na segunda etapa, Wendel abriu o placar na Arena Pernambuco. O jogador estava na entrada da pequena área e marcou, de cabeça, no primeiro minuto.



O Leão ampliou com Ewerton Páscoa, que recebeu de Durval e marcou o segundo gol para o Sport aos 32 minutos do segundo tempo.


Foto: Diego Nigro/JC Imagem


Em entrevista após a partida, o técnico alvirrubro pediu desculpas à torcida pelo desempenho do time e afirmou que é preciso realizar mudanças na postura do Náutico. "Assim como eu assumo a responsabilidade da derrota, eu assumo a responsabillidade da mudança. Não sei se vai dar tempo para o Campeonato Pernambucano, mas a mudança vai acontecer". Confira a entrevista completa de Lisca no áudio abaixo:



Também em entrevista coletiva, Eduardo Baptista explicou que preferiu entrar em campo com um time mesclado porque muitos jogadores não se recuperaram do jogo contra o Sampaio Correia. O técnico leonino também comentou sobre o comportamento do time após a expulsão de Joélinton "O time soube marcar sem ser afoito, sem abrir os espaços. Nós conseguimos neutralizar praticamente 100% das ações do Náutico". Confira a entrevista completa de Eduardo Baptista no áudio abaixo:



Para o comentarista Maciel Jr., o público pequeno da Arena Pernambuco surpreendeu e não faz jus à história do Campeonato Pernambucano. Pouco mais de seis mil pessoas foram ao estádio conferir a partida. Segundo o comentarista, alguns fatores como a classificação do Sport e a falta de credibilidade do time do Náutico com a torcida afastaram os torcedores. Confira o comentário, na íntegra:


Mais Lidas