SÉRIE B

De virada, Náutico quebra tabu, bate o Vitória por 3 x 2 em Salvador e encosta no G4


Alvirrubro terminou primeiro tempo perdendo. Com a virada, chega ao sétimo lugar e se mantém vivo na briga pela Série A

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 31/10/2015 às 18:05
Leitura:
Foto: Guga Matos/Arquivo JC Imagem


O Náutico mostrou fôlego, capacidade de recuperação e foi autor de uma virada bonita de se ver e bateu o Vitória da Bahia por 3x1, fora de casa, neste sábado (31). Após um primeiro tempo de passes errados e falta de ousadia, o time alvirrubro parecia já conformado com uma derrota e o distanciamento completo do G4 da Série B. O que se viu, no entanto, foi uma perfomance totalmente diferente e um resultado muito importante para o time pernambucano.

No primeiro tempo da partida não demorou para o Vitória se apresentar como o dono da partida. Com postura mais ofensiva, a equipe baiana mostrou mais fôlego e colocou pressão. Em terceiro lugar na Série B, com 57 pontos, via a chance de se aproximar da liderança do campeonato se tivesse um bom desempenho. E esse caminho começou a ser trilhado aos 12 minutos com gol de Elton.

Contudo, o Náutico, que terminou o primeiro tempo com cara de provável derrotado, riu por último. Em uma reação impressionante, o time liderado por Gilmar Dal Pozzo veio com tudo pra cima do Vitória e surpreendeu: gol de Daniel Morais com apenas 40 segundos do segundo tempo.

O avanço e o gol de surpresa deram o empurrão que faltava ao Náutico para dominar o jogo. Aos 7 minutos, o atacante Bergson balançou as redes e virou o jogo para o lado alvirrubro. O Náutico seguiu na estratégia de não deixar o adversário respirar e aos 15 minutos, gol de João Ananias.

Apesar da boa vantagem, o Náutico desanimou na reta final da partida. De ofensivo para retraído, o clube alvirrubro sofreu nos minutos finais e ainda levou um gol aos 38 minutos do segundo tempo. O Timbu, porém, segurou a barra e manteve o bom resultado de 3x2 fora de casa.

Agora, o Náutico está em sétimo lugar, com 52 pontos, a dois do G4 e ainda dependendo do término da rodada. O próximo desafio do timbu é no próximo sábado (07) contra o Paraná (12º colocado), na Arena Pernambuco, às 16h30, horário do Recife.


Mais Lidas