SÉRIE B

Santa faz o dever de casa, continua no G4 e está mais perto da classificação


Tricolor venceu o Oeste por 3 a 1, com gols de Daniel Costa, Danny Morais e Luisinho

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 10/11/2015 às 22:28
Leitura:
Daniel Costa na comemoração do primeiro gol. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem


Cada vez mais perto da classificação, o Santa Cruz venceu o Oeste por 3 a 1 na noite desta terça-feira (10), no Arruda. Agora com 58 pontos, o Tricolor está na quarta colocação da Série B do Brasileirão. O grande desafio nesta reta final de campeonato vem no próximo sábado (14): enfrentar o líder Botafogo, no Rio de Janeiro. O confronto está marcado para as 16h30, horário do Recife.

A Cobra Coral não começou muito bem. Apesar de ter cometido alguns erros, o time pernambucano soube finalizar, enquanto o adversário se mostrou mais fraco tecnicamente. Aos 22 minutos, o meia Daniel Costa cobrou falta perto da área com um chute forte e preciso. A bola bateu no travessão e entrou na rede. Já o segundo gol veio aos 44. Ao receber um cruzamento na área, o zagueiro Danny Morais pegou no peito e chutou para marcar.

No segundo tempo, a situação continuou a mesma. Assim, aos 18 minutos, o técnico Marcelo Martelotte trocou o meia Vinicius Reche por Bruninho. Já aos 29, outro meia, Luisinho, fez mais um tento para consolidar a vitória, após uma excelente jogada de Allan Vieira. O lateral correu da defesa até a área do Oeste, tendo driblado o meia adversário Mazinho, pelo lado esquerdo do campo. Ao chegar perto da área, o jogador cruzou para o colega marcar certeiro.

Os instantes finais da partida ainda deram espaço para o Oeste reagir. Aos 42, o atacante Rafael Martins pegou cruzamento de cabeça e diminuiu a diferença no placar. Em seguida, poucos minutos antes do último apito, uma briga entre o meia Lelê e o zagueiro Daniel Gigante fez o defensor do Oeste levar o cartão vermelho. Depois que o jogo acabou, a confusão voltou. Jogadores das duas equipes apartaram, e os atletas se retiraram para os vestiários.

Ouça os gols na narração do Garganta de Aço, Roberto Queiroz:


Mais Lidas