NORDESTÃO

Após empate, técnico do Santa Cruz assume responsabilidade pelo futebol fraco na partida


O jogo, contra o Juazeirense, terminou com o placar de 1x1, com gol marcado por Ricardo Braz e Grafite

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 25/02/2016 às 8:00
Leitura:
Foto: André Nery/JC Imagem

Nessa quarta-feira (24), o Santa Cruz enfrentou o Juazeirense e empatou com placar de 1x1 no Arruda, pela Copa do Nordeste. Com futebol fraco e vaias dos torcedores ao técnico Marcelo Martelotte, o Tricolor ocupa agora o segundo lugar, com quatro pontos, e pode ver o Bahia, com seis, disparar na liderança do Grupo C.

Sobre a partida, o técnico coral assumiu responsabilidade pela ineficiência da equipe e destacou o primeiro tempo como “muito ruim”. “Foi notório o rendimento aquém do que podemos render. Falhamos na armação de jogadas, na posse de bola e agora a classificação ficou complicada”, disse.

Confira abaixo os destaques do Santa Cruz:

FICHA DO JOGO

Santa Cruz - Tiago Cardoso; Vítor, Alemão, Danny Morais, Leonardo e Tiago Costa (Marcílio); Lucas Gomes, Renatinho (Keno) e Daniel Costa (Raniel); Wallyson e Grafite. Técnico: Marcelo Martelotte.

Juazeirense - Tigre; Nen (Alex Travassos), Paulo Henrique, Ricardo Braz e Deca; Capone, Diego Teles, Everlan (Patrick) e Elvis; Nino e Sassá (William). Técnico: Janilson Silva.

Local: Arruda. Árbitro: Emanuel Diniz de Araújo (PB). Assistentes: José Maria Neto (PB) e Kildenn de Lucena (PB). Cartões amarelos: Lucas Gomes, Danny Morais, Elvis, Paulo Henrique, Diego Teles, Ricardo Braz e William. Gol: Ricardo Braz (23 do 1º) e Grafite (aos 20 do 2º). Público: 3115. Renda: R$ 30.820,00.


Mais Lidas