SÉRIE B

Fora de casa, Náutico vence o Vila Nova e se mantém próximo do G4

A equipe do Náutico fez um segundo tempo muito bom e marcou os dois gols da vitória

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 27/08/2016 às 18:10
Leitura:
Hugo comemorando segundo gol da partida marcado por ele
Foto: Divulgação/ Náutico

O Náutico conseguiu os três pontos após vencer o Vila Nova, no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, neste sábado (27). Com a vitória, a equipe alvirrubra terminou a partida com 31 pontos e na 6ª colocação da Série B do Campeonato Brasileiro.

O resultado permite que o Timbu se mantenha próximo ao grupo de acesso à Série A. A equipe está a apenas três pontos do G4. O próximo desafio da equipe será contra o Londrina, na Arena de Pernambuco, na próxima terça-feira (30).

Após um primeiro tempo morno, o Náutico voltou para o jogo na segunda etapa mostrando uma equipe mais enérgica e sem o técnico Alexandre Gallo, que foi expulso após confusão no fim do primeiro tempo. E não demorou muito para marcar o primeiro gol.

Após Rony partir em velocidade e cruzou para a área e Jefferson Nem aproveitou a oportunidade para abrir o placar e marcar o seu sétimo gol na competição. Ele também marcou um gol na vitória do Náutico sobre o Vila Nova, na Arena de Pernambuco, na Primeira Rodada do campeonato.

Questionado sobre a atuação da equipe, João Ananias disse que a ideia era fazer um segundo tempo mais puxado. "Essa foi a nossa proposta. Cansar o time deles", contou o jogador, em entrevista ao repóter Igor Moura, dizendo que a estratégia foi trabalhada durante a semana.

O segundo gol do Timbu saiu aos 19 minutos. Hugo recebeu de Vinícius na meia-lua e chutou forte no canto, sem chances para o goleiro.

Confira os gols da partida na narração de André Luiz Cabral:

FICHA DA PARTIDA – VILA NOVA 0 x 2 NÁUTICO

Vila Nova: Saulo; Bruno Oliveira (Everton), Guilherme, Vinícius Simon e Marcelo Cordeiro; Victor Bolt, Fagner (Joãozinho), Magno Silva e Jean Carlos; Moisés e Patrick (Vandinho). Técnico: Guilherme Alves

Náutico: Julio Cesar; Joazi, Igor Rabello, Adalberto e Gastón; João Ananias, Eurico (Negretti) e Renan Oliveira (Vinicius); Hugo (Yuri Mamute), Rony e Jefferson Nem. Técnico: Alexandre Gallo

Série B (21ª rodada). Local: estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia. Árbitro: Paulo Sérgio Santos Moreira (MA). Assistentes: Cicero Romão Batista Silva e Carlos André Pereira Sousa (ambos do Maranhão). Gols: Jefferson Nem (N) e Hugo (N). Cartões amarelos: Hugo (N), Adalberto (N) e Victor Bolt (V).

Mais Lidas