VIOLÊNCIA

Violência mancha paixão pelo futebol em dia de Clássico das Multidões

Dentro do campo da Ilha do Retiro, o confronto é entre o futebol do Sport e do Santa Cruz. Fora dele, as torcidas se enfrentam em um festival de intolerância

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 11/09/2016 às 14:49
Leitura:
Torcida do Santa Cruz chegano escoltada na Ilha do Retiro. Foto: JC Imagem


Quase todo pernambucano conhece um torcedor ferrenho que deixou de ir para o campo torcer pelo seu time do coração por causa da violência, seja ela dentro ou fora dos estádios, em dias de jogos de futebol. Quando essa partida é um Clássico como o de deste domingo (11), que reúne as duas maiores torcidas do Estado, o medo é ainda maior.

No início da tarde, um morador da avenida Caxangá registrou mais um deplorável exemplo de agressão entre as torcidas do Santa Cruz e do Sport. Veja no vídeo:

Por volta das 15h, a repórter Marcela Maranhã esteve na Praça do Derby e no Terminal Integrado da PE-15. Por lá, a movimentação é tranquila, com registro de violência apenas no início da tarde. Ouça na reportagem:

CLÁSSICO DAS MULTIDÕES

Esse é o 8º Clássico das Multidões de 2016, incluindo o Campeonato Pernambucano, Brasileirão Série A e Sulamericana. Ambos os times vêm apresentando campanhas que deixam as torcidas a desejar. O público na Ilha do Retiro neste domingo chuvoso não deve passar de 10 mil espectadores.

Mais Lidas