VIOLÊNCIA

Presidente da Inferno assina termo de responsabilidade e deixa hospital

Amilton Lima, 27 anos, deixou o Hospital Getúlio Vargas na manhã desta segunda (12) sem receber alta. Ele foi espancado antes da partida entre Sport e Santa Cruz

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 12/09/2016 às 10:13
Leitura:
Foto: Reprodução

O presidente da Inferno Coral, Amilton Lima, de 27 anos, que estava internado no Hospital Getúlio Vargas, assinou termo de responsabilidade e saiu da unidade de saúde na manhã desta segunda-feira (12), mesmo sem receber alta. Conhecido como Buiu, Amilton foi agredido antes da partida Santa Cruz e Sport, por integrantes de uma torcida organizada do Sport. Em vídeo divulgado nas redes sociais, pode-se ver o momento em que Amilton é agredido.

A informação foi confirmada pela assessoria de comunicação da Secretaria de Saúde na manhã desta segunda. O outro rapaz que também sofreu agressão, André Sales de Lima Junior, de 25 anos, foi atendido e liberado ainda no domingo (11).

INVESTIGAÇÕES

A Polícia instaurou um inquérito para prender todos os envolvidos na agressão. Até agora, duas pessoas, entre elas um adolescente, foram presas. O delegado Paulo Furtado é o responsável pelo caso.

Leia também: Presidente da FPF defende pena de morte para torcedores violentos

Mais Lidas