FUTEBOL

É duro, mas o Náutico precisa da venda do Erick, diz Roberto Fernandes

Roberto Fernandes admitiu que uma possível venda do jovem atacante Erick para o Braga, de Portugal, seria financeiramente vantajoso

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 16/08/2017 às 14:15
Leitura:

Imagem

O técnico do Náutico, Roberto Fernandes, admitiu que uma possível venda do atacante Erick para o Braga, de Portugal, seria financeiramente vantajoso para o clube. "É duro dizer isso ao torcedor, mas o Náutico precisa da vender do Erick, sem a venda vamos ter muitos problemas para fechar a competição e o que queríamos era negociar e só entregar no fim da temporada, mas está na janela da transferência internacional e o time lá deve querer ele logo. É um prejuízo grande, mas é sacrificar uma parte para não perder o todo", disse o treinador na manhã desta quarta-feira (16) à Rádio Jornal.

Ainda assim, Roberto diz que não recebeu nenhum comunicado oficial da diretoria a respeito da negociação. "O martelo ainda não está batido, tem coisas que dependem da diretoria".

Ouça na íntegra a entrevista com Roberto Fernandes

Imagem

Nessa terça, o Náutico conseguiu vencer o Figueirense e deixou a lanterna da Série B. Para Roberto Fernandes, o campeonato deve ser pensado 'daqui para frente" e lembrou da história do Timbu para enfatizar que quer um time com a característica histórica de formar equipes rápidas.

"O Náutico sempre jogou com velocidade, time que tem verticalização, sempre com jogadores rápidos, de forma agressiva e percebi que a equipe estava com a posse demais que não é sua característica e não é característica dos jogadores que são jovens e de velocidade", comentou. "Missão agora é ter padrão de jogo", completou.

Mais Lidas