Novo presidente

Presidente do Náutico se reúne com elenco e anuncia novo dirigente de futebol

Gustavo Ventura esteve presente no CT Wilson Campos na manhã desta quarta-feira para conversar com elenco e comissão técnica do Náutico

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 30/08/2017 às 10:00
Leitura:

Imagem

O novo presidente do Náutico, Gustavo Ventura, e o futuro presidente do clube, Edno Melo, estiveram na manhã desta quarta-feira (30) reunidos com o elenco alvirrubro no CT Wilson Campos para anunciar uma mudança no departamento de futebol da instituição. Diógenes Braga será o novo vice-presidente de futebol no lugar de Emerson Barbosa, que deixou o clube. Ubirajara Tavares foi nomeado Vice-presidente de Esportes Olímpicos e Amadores e Paulo Henrique Guerra vai compor a Diretoria de Base.

Os dirigentes reafirmaram a confiança no trabalho que vem sendo executado pela comissão técnica, liderada por Roberto Fernandes, na busca de tirar o clube da zona de rebaixamento da Série B. O próximo jogo dos pernambucanos acontece no dia 06 de setembro, na Arena de Pernambuco, às 21h45, diante do Brasil de Pelotas.

Sucessão do poder no Náutico

Gustavo Ventura estava na presidência do Conselho Deliberativo do Náutico e assumiu o comando do executivo após a renúncia de Ivan Brondi na última terça-feira (29). De acordo com o estatuto Timbu, Ventura será o mandatário até a posse de Edno Melo, que deve acontecer em janeiro do próximo ano.

Entrevista com Edno Melo

Após a conversa com elenco do Náutico, Edno concedeu entrevista a Ralph de Carvalho durante a Super Manhã da Rádio Jornal. O papo com os jogadores foi visto como positivo pelo próximo presidente alvirrubro.

"Antecipamos esse contato para blindar o elenco, mostrar que eles não estão sozinhos nessa caminhada pela permanência na Série B. Foi uma receptividade boa, me surpreendi. Conversamos com o elenco e a comissão e passou o que estava acontecendo no momento para que não tenhamos problema daqui para frente", comentou.

Questões salariais também foram abordadas e Edno fez questão de priorizar os funcionários, que estão com quatro meses sem receber. "A prioridade é o funcionário. Não cabe administrar uma situação com folha atrasada, nunca passei por uma situação dessa em nenhuma empresa que eu tenho. A gente vai estar de fato como vice financeiro do clube, atuando como tem que ser. Estou de posse da procuração que me dá os direitos de governar o financeiro. Passei a manhã toda conversando com Gustavo Ventura sobre como vamos equalizar o clube até o final do ano. É a procuração feita por Gustavo para Ivan e ele não assinou. Mudamos o nome o Gustavo assinou".

Ainda sobre as finanças, Edno falou sobre a venda de Erick e não confirmou se o dinheiro da venda foi depositado. "Eu acredito que seja uma coisa a esperar. Não tive acesso a negociação e a pagamento nenhum. Como vou entrar a fundo na parte financeira, vou poder lhe responder em pouco tempo. Já estou dando expediente no Náutico normalmente".

Mais Lidas