SPORT

Jogadores estão se dedicando, diz Claudinei sobre atraso de salários


Técnico do Sport, Claudinei Oliveira, preferiu não tocar no assunto, mas garantiu o bom ambiente do grupo e a dedicação dos jogadores

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 17/07/2018 às 13:23
Bobby Fabisak/ JC Imagem
FOTO: Bobby Fabisak/ JC Imagem
Leitura:

O técnico do Sport, Claudinei Oliveira, afirmou que o atraso de dois meses de salário no clube leonino não afetou a dedicação dos atletas. Segundo o treinador, a situação está bem administrada e a cobrança dos jogadores é justa, já que eles estão se dedicando diariamente.

"Tá bem administrado, os jogadores estão se dedicando. Há uma cobrança bem pautada, com relação ao bom comportamento deles no dia a dia", comentou em entrevista coletiva realizada nesta terça-feira (17).

Ainda segundo Claudinei, um pagamento estava programado a intertemporada, mas acabou não acontecendo. "A direção tem dado satisfação, explicando a dificuldade do clube. Não é somente o Sport, outros clubes vivem essa situação também. A gente espera que isso esteja sanado o mais rápido possível. Havia um planejamento para o pagamento antes da folga, que foi feito, e havia outro pagamento para a intertemporada, que não foi feito e gerou esse certo desconforto", disse.

Pernoite no CT foi recusada pelos jogadores

Claudinei ainda fez questão de explicar uma situação durante a intertemporada em que os jogadores teriam se recusado a dormir no CT em Paratibe. Segundo o treinador, a programação de treinos estava pautada na participação do Brasil nas semifinais da Copa, coisa que não aconteceu.

"O que aconteceu é que na segunda-feira tínhamos a previsão deles dormirem no CT. Esperávamos também que o Brasil estivesse em campo na terça, coisa que não aconteceu. Em cima dessa desclassificação, os jogadores perguntaram se poderiam não dormir lá e marcar o treino mais tarde de manhã, foi feito. Puseram essa questão salarial, que é uma coisa que eles têm direito de expor, não deixaram de trabalhar. Achei justo", comentou o treinador.


Mais Lidas