Flamengo

Diego chora ao falar das vítimas no CT do Flamengo


Diego foi o primeiro jogador a conceder entrevista coletiva após o incêndio que matou 10 jovens no CT do Flamengo na última semana

Robert Sarmento
Robert Sarmento
Publicado em 12/02/2019 às 12:40
Flamengo/Reprodução
FOTO: Flamengo/Reprodução
Leitura:

Primeiro representante do Flamengo a conceder uma entrevista coletiva após o incêndio no Ninho do Urubu que provocou a morte de 10 jogadores da divisões de base na última sexta-feira, o meia Diego se emocionou ao relembrar o contato com Cauan Emanuel, um dos feridos na tragédia. Além disso, lembrou que todo jogador profissional se sente atingido pelo incidente, especialmente pela história que construíram no futebol. "Temos a alma dos meninos da base", afirmou.

"Ele me mandou uma foto comemorando um gol e perguntou: 'Conhece essa comemoração? Eu me inspiro em você'", disse Diego, que chegou a ficar mais de um minuto chorando. "Temos de seguir. Seremos inspiração", acrescentou o camisa 10 e capitão do Flamengo.

Leia mais no JC Online


Mais Lidas