Clássico

Santa Cruz vence o clássico e assume a liderança do Pernambucano


Allan Dias marcou de cabeça o gol que garantiu a vitória coral no Clássico das Multidões. O lance chamou a atenção por mais uma falha do goleiro Magrão.

Robert Sarmento
Robert Sarmento
Publicado em 17/02/2019 às 18:53
Brenda Alcantara/JC Imagem
FOTO: Brenda Alcantara/JC Imagem
Leitura:

O Clássico das Multidões não foi um primor de futebol de ambos os lado. Mas apesar do nível técnico, a partida teve muita disposição e seria decidido em um detalhe. E esse momento veio aos 26 minutos do segundo tempo quando Allan Dias tocou de cabeça e após outra falha de Magrão marcou o gol da vitória do Santa Cruz em cima do Sport, no Arruda, pelo Campeonato Pernambucano. O time rubro-negro reclamou de pênalti nos acréscimos da partida em lance com Allan Dias.

Ouça o gol na voz de Aroldo Costa

Primeiro tempo

Os minutos inciais mostraram as duas equipes se estudando. Apesar de buscarem usar a velocidade, ninguém arriscava uma postura completamente ofensiva e demostravam um equilíbrio tático. Na metade do primeiro tempo, os donos da casa tinham espaço para jogar pelos lados do campo. Faltava uma finalização que levasse perigo. Já os rubro-negros, com três volantes no meio-campo, não conseguiam criar e abrir espaço no setor da ataque. A chance veio aos 23 minutos quando Hernane dentro da área tocou para Guilherme, que bateu rasteiro, e o goleiro Anderson salvou com o pé esquerdo.

Nível fraco

No decorrer da partida, o Sport começou a chegar mais no ataque, enquanto a Cobra Coral parecia se poupar fisicamente. Mas o primeiro tempo não agradou tecnicamente e ficou um jogo com muitos erros na criação das jogadas. O zero a zero explicava bem o placar da partida, até o momento.

Segundo tempo

A segunda etapa começou com os mesmos erros de passes do primeiro tempo. O Jogo parecia que não iria mudar. O Santa teve uma boa chegada aos 10 minutos. Guilherme Queiroz soltou a boma e Magrão colocou para escanteio. Na cobrança, o centro-avante tricolor apareceu de novo e cabeceou com perigo. Conforme a partida seguia, o mandante conseguia desempenhar um melhor futebol e procurava sempre o lado do campo.

Falha de Magrão e gol

A melhora coral foi confirmada quando aos 27 minutos. Em cobrança de falta, Allan Dias desviou de cabeça e contou com uma falha de Magrão. O ídolo rubro-negro tentou encaixar. Mas acabou espalmando para dentro.

Final da partida

Depois do gol, a chuva começou a cair no Arruda. Atrás no placar, só restava para o Leão ser ofensivo. Só que esbarrava nos defeitos do setor ofensivo e na boa marcação tricolor. Os minutos finais foram com o time rubro-negro tentando pressionar. Mas sem conseguir levar perigo e o clássico terminou com vitória coral. No final, muita reclamação em um lance no qual Allan Dias tocou de cabeça e a bola resvalou no braço dele. O lance rendeu muita reclamação dos rubro-negros, que tiveram o atacante Juninho expulso.

Ficha do jogo

Santa Cruz: Anderson; Marcos Martins, João Victor, Danny Morais e Bruno Ré; Charles, Diego Lorenzi e Allan Dias; Jô (Cesinha), Elias (Luiz Filipe) e Guilherme Queiróz (Neto Costa).

Sport: Magrão; Norberto, Rafael Thyere, Adryelson e Sander; Ronaldo, Charles (Luan), Kaio; Ezequiel (Alisson Farias), Guilherme e Hernane (Juninho).

Gols: Allan Dias aos 26 do 2'T (Scz); (S). Cartões amarelos: Jô e Allan Dias (Scz); Charles, Ronaldo e Luan (S). Cartão vermelho: Juninho (S). Público: 16.483. Renda: R$ 301.860,00.


Mais Lidas