Pernambucano

"A nossa meta é classificar em primeiro ou segundo", afirma Allan Dias

O meia Allan Dias também ressaltou a importância do trabalho feito por Leston Júnior no Santa Cruz

Publicado em 12/03/2019 às 11:39
Brenda Alcântara/JC Imagem
FOTO: Brenda Alcântara/JC Imagem
Leitura:

Apesar do desgaste da maratona de jogos e viagens, além do pouco tempo para treinar, o elenco do Santa Cruz precisa vencer o Central na quinta-feira, no Arruda, se quiser voltar para as primeiras posições no Campeonato Pernambucano. De acordo com o meia Allan Dias, a meta do clube é terminar a primeira fase entre os dois primeiros colocados, para ter a vantagem de jogar em casa. No momento, o Tricolor do Arruda é o quinto colocado com 13 pontos – três atrás da Patativa e há cinco do Náutico -, sendo que apenas os quatro melhores terão o mando de campo.

"A gente está bem focado. A gente sabe que isso é um fator importante, de decidir dentro de casa, diante do nosso torcedor. Serão decisões tanto na quinta, quanto no domingo (clássico contra o Náutico). São jogos muito importantes que vão definir a questão de decidir em casa os jogos da outra fase e estamos focados quanto a isso", garantiu.

E continuou: "A gente tem que focar muito nesse jogo para criar a esperança de, no último jogo, conseguir bater a nossa meta de classificar em primeiro ou segundo. A princípio, nossa prioridade é essa".

Central

A equipe caruaruense é vice-líder momentâneo do Campeonato Pernambucano com 16 pontos, obtendo cinco vitórias, um empate e uma derrota. Além disso, possui a melhor defesa do torneio, ao lado do Sport, com apenas seis gols sofridos. A preocupação é sabendo da dificuldade que o adversário vai impor ao Tricolor.

“(O jogo mais importante) é o próximo jogo, contra o Central. A gente tem que focar muito nesse jogo para criar a esperança de, no último jogo, conseguir bater a nossa meta de classificar em primeiro ou segundo. A princípio, nossa prioridade é essa. Se a gente conseguir ou não, lá na frente, a gente vai ver se (a nova meta é) chegar nas seminais ou final. A gente vai planejar, mais uma vez, passo a passo”, finalizou Allan.

Evolução

Allan Dias chegou ao Santa Cruz como indicação do técnico Leston Júnior, com quem trabalhou no Botafogo-PB na temporada passada. Ele destacou o que foi mantido e em que evoluiu o trabalho comandante nesse período. De evolução, ele praticamente manteve aquilo que já vinha fazendo nos outros anos. (Mudou) a questão de ouvir mais a gente. No Botafogo-PB, em alguns momentos, não ouviu muito a gente em questão de descanso. Esse elo entre treinador e jogador. Aqui está sendo diferente isso. O trabalho dele é sensacional. É um cara muito inteligente, que posiciona bem o time. A questão tática dele é muito boa. É mais na gestão de pessoas, e dentro de campo, que vejo que melhorou neste ano", avaliou Allan Dias.

Mais Lidas