Escrete de Ouro

Comentaristas do Escrete de Ouro avaliam punição ao atacante Pipico

Com a punição, Pipico corre o risco de não jogar mais no Campeonato Pernambucano deste ano.

Publicado em 13/03/2019 às 16:20
Bobby Fabisak/JC Imagem
FOTO: Bobby Fabisak/JC Imagem
Leitura:

A punição do atacante Pipico imposta pelo Pleno do Tribunal de Justiça Desportiva de Pernambuco (TJD-PE), gera um problema para o técnico Leston Júnior. O julgamento realizado ontem a noite (12) puniu o atleta do Santa Cruz com quatro jogos pela expulsão diante do Petrolina, pela 4ª rodada do Estadual. Como já cumpriu a suspensão automática, o artilheiro do tricolor vai ficar fora do time por mais três partidas e só deve voltar a jogar no Campeonato Pernambucano, caso o clube avance para a semi-final, pois só restam dois jogos para o fim da primeira fase e o confronto nas quartas de final é em partida única.

Reversão

No julgamento em primeira instância (à revelia), o jogador tinha sido punido com seis jogos de suspensão e, apesar do TJD-PE baixar a pena, o presidente do Santa Cruz, Constantino Júnior, que acompanhou o julgamento, informou, em contato com a reportagem do Jornal do Commercio, que o clube tentará reverter a situação no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) no Rio de Janeiro. Pipico continuou condenado pelo artigo 254, que fala em praticar agressão física.

Mais Lidas