Copa do Nordeste

Náutico diante do maior desafio da temporada

O time alvirrubro enfrenta o Ceará, às 18h30, no Castelão. A partida tem cobertura da Rádio Jornal e TV Jornal

Publicado em 06/04/2019 às 10:35
Léo Lemos/Clube Náutico Capibaribe
FOTO: Léo Lemos/Clube Náutico Capibaribe
Leitura:

Depois de avançar da fase de grupos pela primeira vez desde que a Copa do Nordeste voltou a ser disputada, em 2013, o Náutico tenta fazer história na competição. Pelas quartas de final, o time alvirrubro tem a difícil missão de enfrentar o Ceará, time da Série A do Brasileirão, neste sábado (6), às 18h30, em jogo único na Arena Castelão.

O Náutico vai a campo embalado depois de chegar à final do Campeonato Pernambucano e atingir a marca de 17 partidas de invencibilidade, a maior série invicta de um time no futebol nacional na temporada. Sem nenhuma vantagem para os times, a não ser o mando de campo, o time alvirrubro precisa de uma vitória para chegar à semifinal. Em caso de empate no tempo regulamentar, a vaga será decidida nos pênaltis.

Transmissão

A jornada esportiva da Rádio Jornal começa às 17h, com apresentação de Marcelo Araújo. O confronto tem narração de Iran Carvalho, comentários de Carlyle Paes Barreto e reportagens de Antônio Gabriel e Berg Santos. Além disso, o confronto decisivo terá transmissão exclusiva da TV Jornal, com narração do Maior Gol do Mundo, Aroldo Costa, e comentários de Maciel Júnior.

"No bom momento que estamos vivendo. Sempre é uma vitrine quando você pode jogar contra uma grande equipe como o Ceará, pela Copa do Nordeste. É uma grande oportunidade para todos. É mais uma vez um jogo importante para nós, estamos preparados. Nós temos o objetivo de passar de fase, chegar numa semifinal, estar em uma final. São nessas coisas que temos que nos apegar", destacou o técnico Márcio Goiano.

O Ceará será o segundo time da Série A que o Náutico vai enfrentar nesta temporada. Antes, no primeiro jogo oficial do ano, o time alvirrubro perdeu para o Fortaleza por 3x1, nos Aflitos, também pela Copa do Nordeste. Enfrentando um time com maior investimento financeiro, o treinador Márcio Goiano destacou a importância de estudar o adversário para que o Timbu possa conseguir tirar alguma vantagem dentro de campo.

"É uma situação que acontece. Você tem bom orçamento, contrata bons jogadores e faz um elenco forte. Se você olhar o desempenho do Ceará do segundo turno do (Campeonato) Brasileiro e início deste ano, você sabe da qualidade individual do elenco. A gente procurou algumas informações após o último jogo deles. Vemos que pode ter algumas mudanças no time, em função também do jogo na próxima quarta, que terão outra decisão", comentou.

Para o duelo, a tendência é que o treinador Márcio Goiano repita o mesmo time que bateu o Afogados por 2x0, na semifinal do Campeonato Pernambucano. Dessa maneira, o centroavante Wallace Pernambucano, artilheiro da equipe no ano com oito gols, deve ficar pela sexta vez consecutiva no banco de reservas. Já o zagueiro Suéliton e o atacante Robinho, ainda não estão 100% e devem desfalcar o Náutico mais uma vez.

Ceará

Ainda sem perder na Copa do Nordeste, o Ceará teve a melhor campanha da fase de grupos da competição. Para o confronto contra o Náutico, o técnico Lisca, depois da vitória sobre o Corinthians, pela Copa do Brasil, na última quarta-feira (6), indicou a possibilidade de fazer algumas mudanças no time titular. Na próxima quarta-feira (10), o time alvinegro tem outra decisão, dessa vez pela semifinal do Campeonato Cearense.

"Se não estudar o adversário, você está muito próximo de não conseguir sucesso. Na própria declaração, ele (Lisca) fala em mudanças de alguns jogadores. Mas ele tem material humano para trocar. Eles têm feito essas trocas. Se houver mudança acredito mais que seja na parte ofensiva. Não acredito em uma mudança muito drástica, porque é um jogo muito importante para as duas equipes. Ambas vão lutar e brigar muito dentro de campo", analisou o técnico do Náutico.

Ficha do jogo

Ceará: Richard; Samuel Xavier, Valdo (Tiago Alves), Luiz Otávio e Thiago Carleto; Fabinho, Juninho, Ricardinho (Fernando Sobral), Felipe Baxola e Chico; Ricardo Bueno. Técnico: Lisca. Esquema: 4-5-1.

Náutico: Bruno; Hereda, Diego Silva, Camutanga e Assis; Josa, Luiz Henrique e Danilo Pires; Thiago, Jorge Henrique e Odilávio (Wallace Pernambucano). Técnico: Márcio Goiano. Esquema: 4-3-3.

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE). Horário: 18h30. Árbitro: Antonio Dib Moraes de Sousa (PI). Assistentes: Márcio Iglésias Araújo Silva (PI) e Alisson Lima Damasceno (PI).

Mais Lidas