Santa Cruz

Presidente do Santa Cruz garante que não terá divisão de cota com ABC


Do valor de R$ 1,9 milhão, por avançar de fase, o Santa Cruz deve ficar com perder cerca de R$ 700 mil em descontos

Robert Sarmento
Robert Sarmento
Publicado em 11/04/2019 às 12:04
Alexandre Gondim/Jc Imagem
FOTO: Alexandre Gondim/Jc Imagem
Leitura:

Após o Santa Cruz garantir a vaga para a quarta fase da Copa do Brasil, comentários surgiram nas redes sociais sobre uma negociação da diretoria coral com o ABC para dividir a cota de premiação, em processo no qual aconteceu com o rival o Náutico, na primeira fase da mesma competição. No entanto, o presidente do clube tricolor, Constatino Júnior, descartou essa possibilidade, em entrevista ao comentarista do Escrete de Ouro, Ralph de Carvalho, na manhã desta quinta-feira.

"Não houve. Com o Náutico foi apenas uma partida. Duas equipes do mesmo Estado e em condição de fazer isso com a Justiça. Não houve nenhuma negociação. A cota, com os devidos descontos, é do Santa Cruz", afirmou.

Ouça a entrevista completa e os gols da partida

Descontos

Mesmo negando uma divisão de cota, o Tricolor do Arruda não embolsará o valor bruto da premiação. Pois, segundo o mandatário coral, o clube deve ter no mínimo 36% do dinheiro será descontado, ou seja, cerca de R$ 700 mil.

"Acho que está demostrado que temos um trabalho pés no chão para organizar e retomar o patamar do Santa Cruz no cenário nacional. Mas são muitos descontos, inúmeros bloqueios. Você acorda e mais de 30 mensagens de credores. No minimo, 36% de descontos" informou.


Mais Lidas