Retrospecto

Sport está há oito meses sem perder com a diferença de dois gols na Ilha do Retiro


Última derrota do Leão, na Ilha do Retiro, por um placar maior do que um gol de diferença, foi contra o América-MG, no Brasileirão de 2018

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 15/04/2019 às 17:52
Luan, atualmente no Sport, marcou um dos gols do América-MG no Campeonato Brasileiro do ano passado.
FOTO: Luan, atualmente no Sport, marcou um dos gols do América-MG no Campeonato Brasileiro do ano passado.
Leitura:

A vitória conquistada em cima do Náutico, por 1x0, em pleno estádio dos Aflitos, garantiu ao Sport uma vantagem importante para o confronto de volta, na Ilha do Retiro, que vai determinar o campeão Pernambucano 2019. Para levantar a taça, os rubro-negros precisam apenas de um empate. Caso o Timbu vença por um placar simples, a decisão do Estadual vai para a disputa de pênaltis - para a equipe alvirrubra conquistar o bicampeonato de forma direta precisa vencer por dois gols de diferença, mas a tarefa será árdua.

Isso porque o Leão não perde na Ilha do Retiro por mais de dois gols de diferença há oito meses. A última derrota do time rubro-negro por um placar mais elástico foi no dia 22 de agosto de 2018, contra o América-MG, por 2x0, pela 20ª rodada do Brasileirão. Naquela ocasião, o atacante Luan, que atualmente defende o Sport, marcou um dos gols do time mineiro.

De lá pra cá, o Sport já disputou outras 16 partidas no Estádio Adelmar da Costa Carvalho, com: 11 vitórias, dois empates e três derrotas: duas no ano passado, para Palmeiras e São Paulo, ambas por 1x0... E outra na partida de estreia da temporada, 3x2 para o Flamengo de Arcoverde. Além disso, quando a análise é feita entre as duas equipes, a situação alvirrubra fica ainda mais complicada, já que a última vez que o Timbu venceu o Leão por mais de dois gols de diferença na Ilha do Retiro foi em 2004, por 3x1.

Ingressos

O Sport começa a vender os ingressos para a decisão contra o Náutico a partida desta terça-feira (16). A priori, os ingressos vendidos serão apenas para os sócios. A bilheteria do Arco e os ingressos para a torcida visitante - será vendida nos Aflitos - só a
partir da quarta-feira (16).

Sócios - compra antecipada (até à sexta-feira, dia 19)

Sociais – R$ 30

Arquibancada sede – R$ 30

Arquibancada frontal – R$ 30

Assento especial – R$ 40

Cadeira ampliação – R$ 40

Cadeira central – R$ 60

Não-sócios

Arquibancada sede – R$60 (inteira)/R$30 (meia)

Arquibancada frontal – R$60 (inteira)/R$30 (meia)

Assento especial – R$80 (inteira)/R$40 (meia)

Cadeira ampliação – R$80 (inteira)/R$40 (meia)

Cadeira central – R$120 (inteira)/R$60 (meia)


Mais Lidas