SEGUNDONA

Após título no Pernambucano, Sport mira a Série B


Esse ano, a Série B do Campeonato Brasileiro promete ser mais equilibrada

Ísis Lima
Ísis Lima
Publicado em 23/04/2019 às 17:06
Brenda Alcântara/ JC Imagem
FOTO: Brenda Alcântara/ JC Imagem
Leitura:

Sem muito tempo para comemorar o 42º título Pernambucano do Sport, os jogadores rubro-negros já começam a pensar a partir desta terça-feira (23) na estreia do Leão na Série B do Campeonato Brasileiro, que acontece na próxima sexta-feira (26), às 21h30, na Ilha do Retiro, contra a equipe do Oeste.

Sem a presença de nenhum dos clubes do chamado G-12 do futebol nacional, a Segundona desse ano promete ser mais equilibrada, sem nenhum time entrando na competição com grande favoritismo.

Avaliação do técnico

Guto Ferreira diz que, das equipes que vão disputar a Série B, "não tem ninguém muito melhor que ninguém". "Do que eu tenho visto aí, só uma equipe que está em um nível muito bom que é o Atlético-GO. Tirando eles, não vejo na Série B ninguém sobrando. Pode ser que no decorrer da competição, alguém comece a sobrar. Tem o Red Bull, que queira ou não queira, por conta de investimento (grupo de empresários comprou o Bragantino), tende a crescer. Mas é uma competição difícil”, avaliou o técnico.

O treinador tem no currículo dois acessos à Série A: em 2014, com a Ponte Preta; e em 2016, com o Bahia.

Vale ressaltar que ele dirigiu o Internacional em praticamente toda a campanha do acesso do Colorado, em 2017, sendo demitido restando três rodadas para o fim da Série B.


Mais Lidas