SÉRIE C

Santa Cruz arranca empate no último minuto contra o Treze-PB


Na estreia pela Série C, equipe Coral foi surpreendida pelos visitantes, mas na base da vontade, consegue empatar a partida

Fellipe Leandro
Fellipe Leandro
Publicado em 29/04/2019 às 21:49
Alexandre Gondim / JC Imagem
FOTO: Alexandre Gondim / JC Imagem
Leitura:

O Santa Cruz não fez uma boa exibição na estreia da Série C do Campeonato Brasileiro. Diante do Treze-PB no Arruda, a equipe pernambucana foi surpreendida pelos visitantes com dois gols na etapa inicial, mas na base da vontade conseguiu arrancar o empate no último lance do jogo. Gil e Eduardo marcaram para o Galo e Neto Costa e Guilherme Costa fizeram para os donos da casa. A partida terminou 2 a 2.

O próximo confronto da equipe Coral pela Série C, será diante do Ferroviário no domingo (5) no Castelão (CE).

Ouça os gols na voz de Roberto Queiroz

O jogo

Vindo de uma partida excepcional contra o Fluminense pela Copa do Brasil, o Santa Cruz não conseguiu apresentar o bom futebol na etapa inicial. Os primeiros minutos foram de supremacia do Treze-PB. Sem dificuldades, a equipe visitante abriu o marcador logo aos 4. Gil, de fora da área acertou no canto esquerdo, fora do alcance de Anderson.

Mesmo sofrendo o primeiro gol, o Santa Cruz permaneceu muito desatento e disperso. O Treze se aproveitou disso e encontrou muita facilidade pelo lado esquerdo. Aos 8 minutos, Gil avançou com liberdade e tentou tocar a bola no miolo da área, mas a defesa Coral afastou o perigo.

Vencendo o jogo, o Galo tentou sair mais na base do contra-ataque. Aos 17, Eduardo arrancou antes do meio de campo e saiu cara a cara com Anderson. O goleiro fez a defesa na primeira finalização e a bola voltou para Eduardo que chutou em cima da defesa do time pernambucano.

O segundo gol dos visitantes saiu aos 23 da etapa inicial. Gil recebeu na esquerda e cruzou na medida para Eduardo cabecear para as redes e ampliar a vantagem para o time paraibano. Percebendo a fragilidade do lado direito da equipe Coral, Leston Júnior optou por tirar Jô e colocar Guilherme Queiroz.

O Santa Cruz só passou a assustar o Treze-PB após sofrer o segundo gol. Ítalo Henrique acertou um bom chute de fora da área, mas Mauro fez a defesa. Aos 36 Patrick Vieira chutou de longe e a bola foi na trave. No minuto seguinte o goleiro do Galo fez outra excelente defesa evitando o primeiro da equipe Coral.

Na etapa final o Treze continuou melhor que o Santa Cruz. Aos 5 minutos Marcelinho Paraíba recebeu um bom passe e driblou Anderson e finalizou, mas William Alves salvou em cima da linha.

As duas equipes pouco conseguiram finalizar com perigo e o jogo ficou bastante truncado. O Santa Cruz tentava sair para o jogo, mas o Treze bem postado, não dava espaço. Já o time alvinegro continuou tendo espaço para atacar pelos lados com Gil, mas não conseguiu acertar o último passe.

Aos 39 minutos o Santa Cruz conseguiu diminuir o placar. Marcos Martins cruzou da direita e a bola foi na medida na cabeça de Neto Costa, que desviou para o gol, vencendo o goleiro Mauro Iguatu.

No melhor momento no jogo, o Santa Cruz foi para cima em busca do gol de empate e conseguiu no último lance da partida. Após cruzamento da direita, a bola é afastada e cai no pé de Guilherme. Ele ajeita de esquerda e bate de direita, no canto direito de Mauro Iguatu. Tudo igual no Arruda. Festa tricolor.

Ficha do jogo

Santa Cruz: Anderson; Marcos Matrins, João Victor, William Alves e Carlos Renato; Charles, Ítalo Henrique e Patrick Vieira (Luiz Felipe); Jô (Guilherme Queiroz), Augusto (Neto Costa) e Pipico. Técnico: Leston Júnior.

Treze-PB: M. Iguatu; Edy, A. Penna, Ítalo e Silva; Copetti, Juninho e Marcelinho Paraíba (Brumatti); Gil, Patrick (Fernando) e Eduardo (Diego Ceará). Técnico: Flávio Araújo.

Gols: Gil (TRE) 4/1ºT. Eduardo (TER) 23/1ºT. Neto Costa (SAN) 39/2ºT. Guilherme Queiroz (SAN) 50/2ºT.


Mais Lidas