Exclusividade

Estreia do Brasil na Copa América com transmissão da Rádio Jornal


É a quinta vez que a Seleção Brasileira joga a competição sul-americana com anfitrião. Nas outras vezes, terminou como campeão

Robert Sarmento
Robert Sarmento
Publicado em 14/06/2019 às 12:00
Lucas Figueiredo/CBF
FOTO: Lucas Figueiredo/CBF
Leitura:

A Rádio Jornal é única emissora de Pernambuco com direitos adquiridos para a transmissão da Copa América de 2019, que será disputada entre os dias 14 de junho e 7 de julho, e volta a ser realizada no Brasil depois de 30 anos. Como país-sede, o Brasil abre a competição. O jogo da Seleção Brasileira acontece no estádio do Morumbi, às 21h30, nesta sexta-feira (14). O Escrete de Ouro vai acompanhar o dia a dia da seleção brasileira e trazer cobertura ampla dos demais participantes, com os repórteres Igor Moura, João Victor Amorim e Wellington Campos. Além disso, a equipe do Jornal do Commercio vai trabalhar integrada na cobertura do evento.

“A gente espera contar uma grande história. O torcedor que está acostumado em nos acompanhar vai com ter a informação rápida, a vibração que a torcida gosta. Vamos mais uma vez fazer o melhor da transmissão esportiva. As pessoas que gostam da Rádio Jornal sabem que a gente coloca um ritmo muito forte de informação e de debate para que todos fiquem bem informado”, afirmou o narrador Aroldo Costa.

Transmissão

O repórter Igor Moura acompanha os comandados de Tite lado a lado e traz todos os detalhes. A narração da partida e os comentários ficam sob a responsabilidade de Aroldo Costa e Ralph de Carvalho. O Plantão Esportivo e o Resumo Final tem a apresentação de Marcelo Araújo. As informações sobre a partida começam a partir das 18h05 com o Bola Rolando e seguem, dentro da Noite de Esportes da Rádio Jornal, com o Movimento Esportivo e o JC Esporte 10.

Os nomes já conhecidos pelo torcedor e consagrados do jornalismo esportivo estão na cobertura da competição sul-americana. Entre os integrantes, estão Maciel Júnior, Ralph de Carvalho, Roberto Queiroz e Aroldo Costa, que carregam a experiência de terem participado de várias coberturas internacionais do mundo futebolístico. Em relação à Copa América ser sediada no nosso país, o ‘Maior Gol do Mundo’, como é conhecido Aroldo Costa, acredita que existe o lado bom, em ter a torcida a favor, porém também traz um peso a mais para obter o título como mandante, como aconteceu na vezes anteriores.

“Eu vejo energia entre torcida e time. Vamos ver como vai ser o termômetro desta Copa América no Brasil. A gente sabe que existe amor e ódio com a seleção. É normal ter uma relação passional. Eu acho que tem a pressão de jogar em casa, mas também tem a confiança. Se o Brasil jogar bem, toda a torcida vai está do lado brasileiro” completou.

Seleção Brasileira

Antes da estreia, o Brasil realizou amistosos, nos últimos dias, contra o Catar e Honduras, obtendo duas vitórias pelos placares de 2 a 0 e 7 a 0, respectivamente. Sem a presença de Neymar, que foi cortado do elenco devido a uma ruptura de ligamentos do tornozelo direito, o técnico Tite testa opções para o lugar do jogador. O mais cotado pela vaga é o meia-atacante David Neres, do Ajax-HOL.

Para o primeiro jogo, o volante Arthur é desfalque por causa de contusão no joelho direito . Sendo assim, Allan e Fernandinho brigam pela vaga. Outro jogador fora da partida é o goleiro reserva Éderson. Ele vai ficar de 4 a 7 dias se recuperando de uma lesão muscular. Provável time titular deve contar com a presença de Alisson, Dani Alves, Marquinhos, T.Silva e Filipe Luís; Casemiro, Allan e Coutinho; David Neres, Richarlison e Firmino.

"Está tocando no fato emocional, físico, técnico, tático e olhando cabeça da preparação. Nós temos que transmitir o torcedor essa vibração. E ela tem que vir de dentro, do nosso comportamento, atitudes, do nosso futebol, e nossa competitividade leal e capacidade de concentração. Ela irradia de fora para dentro, mas antes tem que vir de nós", comentou Tite, em relação ao jogar o campeonato como anfitrião.


Mais Lidas