Ausência de Magrão em reapresentação do Sport aumenta rumor sobre aposentadoria

O goleiro de 42 anos cogita pendurar as luvas do futebol antes de terminar a atual temporada

SPORT
Ausência de Magrão em reapresentação do Sport aumenta rumor sobre aposentadoria

Magrão está sendo reserva na temporada de 2019. - Foto: Acervo/JC Imagem

Com informações do JC Online

O recesso de nove dias do goleiro Magrão está sendo de muita reflexão. Nesse período sem treinos e jogos da Série B, o ídolo do Sport aproveitou para ficar recluso ao lado de sua família, em São Paulo, e pensar no seu futuro. Seguir ou não na rotina do futebol? Mesmo com contrato com o Leão até dezembro, o veterano de 42 anos segue cogitando a possibilidade de antecipar a sua aposentadoria e pendurar as luvas nessa parada da Segundona, como antecipou a reportagem do Jornal do Commercio na última terça-feira (18). Na tarde desta sexta-feira (21), o camisa 1 rubro-negro não se reapresentou no CT José de Andrade Médicis, aumentando ainda mais os indícios de que ele pretende abandonar os gramados.

Diretoria do Sport

Diante da ausência do ídolo rubro-negro, a diretoria do Sport concedeu uma coletiva para se posicionar quanto o não comparecimento de Magrão. "A apresentação estava marcada para as 15h30. Não fomos informados de nada. Magrão é um profissional que tem 11 anos de clube (na verdade 14 anos) e nunca teve um atraso. O que falarmos aqui é suposição. Vamos aguardar até que Magrão entre em contato com a gente", contou Nelo Campos, diretor de futebol.

Já o também diretor Wanderson Lacerda não enxerga nenhum tipo de problema caso Magrão tenha resolvido pendurar as luvas. "Magrão sempre teve uma conduta ilibada. Não vejo nada de mais caso ele resolva antecipar a sua aposentadoria", declarou o dirigente leonino.

Leia mais no JC Online

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.