Áudio

Ouça os pênaltis que garantiram a Seleção Peruana na semifinal da Copa América


Após o empate no tempo normal, o Peru venceu o Uruguai nas cobranças de pênaltis e segue firme na Copa América

Robert Sarmento
Robert Sarmento
Publicado em 29/06/2019 às 19:02
Reprodução/Federação Peruana de Futebol
FOTO: Reprodução/Federação Peruana de Futebol
Leitura:

O Peru eliminou o Uruguai nos pênaltis, por 5x4, depois de empatar em 0x0 no tempo regulamentar, em partida válida pelas quartas de final da Copa América, na tarde deste sábado, na Arena Fonte Nova, em Salvador. Suárez, maior goleador da Celeste, perdeu a primeira cobrança e ficou responsável pela derrota do Uruguai da competição continental.

No tempo normal, o Uruguai teve três gols anulados corretamente por impedimento, um de Arrascaeta, um de Cavani e outro de Suárez. A Celeste teve as melhores chances, mas não conseguiu evitar os pênaltis. Na semifinal, o Peru enfrentará o Chile, na próxima quarta-feira, na Arena do Grêmio. O vencedor enfrentará Argentina ou Brasil na final da Copa América, no Maracanã.

Ouça as cobranças na voz de Iran Carvalho

O jogo

O Uruguai teve as principais chances contra o Peru no primeiro. A Celeste fugiu de seu estilo e propôs o jogo, enquanto “La Blanquirroja” optou por ficar atrás da linha da bola e buscar os contra-ataques. Aos 23, Cavani perdeu chance incrível, mas havia impedimento na jogada. No minuto 28, De Arrascaeta marcou, mas Nández estava fora de posição no início do lance. E aos 36, Cavani ficou a cara a cara e viu Gallese sair bem para defender. A única chance clara do Peru na Fonte Nova ocorreu aos 43, quando Guerrero recebeu de Cueva na pequena área e foi interceptado providencialmente por Giménez.

Segundo tempo

O Peru voltou melhor para a etapa final e teve boa chance com Guerrero, aos nove minutos. O centroavante finalizou na pequena área, mas a bola foi travada antes de chegar em Muslera. O Uruguai respondeu aos 12, quando Godín recebeu na marca do pênalti e isolou, e no minuto 13, quando Cavani encobriu Gallese e marcou, mas a arbitragem anulou novamente por impedimento.

E aos 27 minutos, o Uruguai fez o terceiro gol – e o terceiro anulado. Cáceres cruzou e Suárez, um pouco à frente da linha de defesa, completou na pequena área. Depois de ter o terceiro gol invalidade, o Uruguai não manteve o ritmo. Nos minutos finais, nenhuma nova grande chance foi criada e a partida foi para os pênaltis depois de muita cera e todo time do Peru na defesa.


Mais Lidas