vitória

Náutico vence o Botafogo-PB e entra no G-4 da Série C


A partida válida pela oitava rodada do grupo A terminou com vitória dos alvirrubros por 2 a 1

Robert Sarmento
Robert Sarmento
Publicado em 03/07/2019 às 21:12
Léo Lemos/Clube Náutico Capibaribe
FOTO: Léo Lemos/Clube Náutico Capibaribe
Leitura:

Pressionado depois de dois resultados negativos, o Náutico venceu o Botafogo-PB por 2x1 nesta quarta-feira e voltou ao G-4 do Grupo A da Série C. Com emoção, o jogo durou até os 52 minutos, mas o Timbu conseguiu segurar o resultado positivo. Thiago abriu o placar na primeira etapa e Fernando Lombardi ampliou no segundo tempo. O Belo diminuiu a vantagem aos 40 minutos e pressionou até o final do jogo.

Com o resultado, o time alvirrubro ultrapassa o Confiança na classificação pelos critérios de desempate e assume a quarta posição do Grupo A com 15 pontos. Já o Botafogo-PB, segue na vice-liderança com 16 pontos. O Náutico volta a campo já na próxima segunda-feira, pela 11ª rodada da Série C. Depois de dois jogos consecutivos nos Aflitos, a equipe volta a atuar fora de casa, contra o Imperatriz, no Maranhão.

Ouça os gols na voz de Roberto Queiroz

O jogo

Com a bola rolando, nos dez primeiros minutos, jogo bastante truncado. O Botafogo-PB apostava nos chutes de fora da área e tinha no experiente meia Marcos Aurélio a principal arma ofensiva. Na primeira jogada ofensiva que o Náutico conseguiu encaixar, abriu o placar aos 11 minutos. Depois de contra-ataque puxado por Matheus Carvalho, o centroavante Wallace Pernambucano recebeu a bola e deixou Thiago na cara do gol. O prata da casa alvirrubro não desperdiçou a chance e finalizou no fundo das redes do goleiro Saulo.

Mais uma vez com dificuldades para criar jogadas ofensivas, o Náutico esperava mais o time paraibano no campo de defesa. Com vantagem no placar, o sistema defensivo alvirrubro funcionava bem até o momento, suportando as investidas do Botafogo-PB, que tentava assustar principalmente nas cobranças de faltas, tanto com Marcos Aurélio, quanto com o zagueiro Fred. Essa escrita permaneceu até o fim da primeira etapa.

No segundo tempo, o Botafogo-PB começou no ataque em busca do empate. O Náutico apostava no contra-ataque e, aos quatro minutos, encaixou uma rápida investida com Matheus Carvalho e por pouco Wallace Pernambucano não ampliou o placar. O artilheiro alvirrubro se esticou todo, mas não conseguiu chegar na bola, o lateral-esquerdo Neuton evitou o gol praticamente em cima da linha.

Aos 35 minutos, já com as três substituições realizadas, o Náutico ampliou o placar em cobrança de escanteio. Pela direita, o lateral Hereda cruzou aberto, Camutanga cabeceou e antes que a bola chegasse ao gol de Saulo, o zagueiro Fernando Lombardi desviou e marcou o segundo gol do Timbu, matando o goleiro alvinegro.

Cinco minutos depois, como tem sido nos últimos jogos, não faltou emoção no segundo tempo. Após cruzamento da direita, o centroavante Nando acertou uma bonita cabeçada no contrapé do goleiro Jefferson, que ainda conseguiu defender, mas no rebota o lateral-esquerdo Neuton completou para as redes, diminuindo o placar e dando números finais ao jogo.

Ficha do jogo

Náutico: Jefferson; Hereda, Camutanga, Fernando Lombardi e Wilian Simões (Erick Daltro); Jiménez, Jhonnatan e Neto Pessôa; Thiago, Matheus Carvalho (Luiz Henrique) e Wallace Pernambucano (Rafael Oliveira). Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

Botafogo-PB: Saulo; Neilson, Fred, Willian Goiano e Neuton; Rogério, Marcos Vinícius, Juninho (Dico) e Marcos Aurélio (Erivelton); Kelvin e Felipe Alves (Nando). Técnico: Evaristo Piza.

Local: estádio dos Aflitos, Recife (PE). Árbitro: Rodrigo da Fonseca Silva (MT). Assistentes: Renan Antonio Angelim Rodrigues (MT) e Gislan Antonio Garcia da Silva (MT). Gols: Thiago, aos 11' do 1ºT; Fernando Lombardi aos 35' e Neuton aos 40' do 2ºT. Cartões amarelos: Matheus Carvalho, Luiz Henrique e Jiménez (Náutico); Willian Goiano, Juninho e Felipe Alves (Botafogo-PB).


Mais Lidas