SPORT

Por questões financeiras, presidente do Sport descarta Diego Souza


O presidente Milton Bivar convocou uma entrevista coletiva para colocar um ponto final na novela Diego Souza e Sport

Davi Saboya
Davi Saboya
Publicado em 11/01/2020 às 10:48
Diego Nigro/JC Imagem
FOTO: Diego Nigro/JC Imagem
Leitura:

Em entrevista coletiva, na manhã deste sábado, o presidente rubro-negro Milton Bivar bateu o martelo na situação do meia Diego Souza. Ele cravou que o ídolo rubro-negro não irá retornar neste momento para o Leão. A justificativa dele é que o Sport não tem condições financeiras de contratar o "Embaixador de 87", o também meia Everton Felipe e mais nenhum outro jogador no início desta temporada.

Milton Bivar ainda ressaltou que poderia negociar com Diego Souza em viagem que irá fazer na próxima semana ao Rio de Janeiro. Mas descartou a possibilidade após reunião com todas as diretorias em que ficou clara a falta de viabilidade financeira do clube para novas contratações.

 

O presidente do Leão estará na capital carioca para negociar as cotas de televisão. Neste ano, o Sport teria direito a cerca de R$ 40 milhões na Série A do Campeonato Brasileiro. Porém, só vai receber aproximadamente R$ 24 milhões, pois o "desconto" de R$ 16 milhões equivale ao adiantamento feito pela gestão passada.

"Caso a gente sentisse a viabilidade do acerto ele (Diego Souza), iríamos conversar agora na minha viagem para o Rio de Janeiro. Só que não temos condições de contratar mais ninguém. Nem o Diego Souza e nem para outras posições. Vamos avaliar e lá para maio podemos voltar a contratar", afirmou.

Limite

O presidente do Sport revelou que o clube já ultrapassou o teto financeiro estabelecido no planejamento inicial para início desta temporada. "A folha aumentou mais de 25% do que estávamos imaginando para o começo do ano. Iremos pagar o salário agora de Rafael Thyere, que estava emprestado sem custo, tem o retorno de Rithely, uma valorização para Brocador", disse Bivar.


Mais Lidas