Em amistoso marcado pelo excesso de faltas, Santa Cruz empata com o Campinense-PB

O tricolor encerra a pré-temporada e agora vira a chave para a estreia no Pernambucano

SANTA CRUZ
Em amistoso marcado pelo excesso de faltas, Santa Cruz empata com o Campinense-PB

Em jogo pouco criativo, Santa Cruz empata em 0x0 contra o Campinense-PB - Foto: Rafael Melo/Santa Cruz

Rádio Jornal | Letícia Silva

 

No último desafio antes do início da temporada, o Santa Cruz empatou em 0x0 com o Campinense-PB, em partida realizada na noite desta segunda-feira (13). O jogo sediado no estádio Amigão em Campina Grande, na Paraíba, foi marcado por problemas de finalização de ambos os times, que recorreram a intensidade na marcação, na tentativa de dominar a partida. O Santa Cruz agora se prepara para estrear no Campeonato Pernambucano, próximo sábado (18), contra o time do Petrolina, no estádio do Arruda, em Recife, ás 19h.   

Leia Também

https://radiojornal.ne10.uol.com.br//esportes/2020/01/10/santa-cruz-contrata-tiago-cardoso-confira-momentos-marcantes-do-goleiro-182281

https://radiojornal.ne10.uol.com.br//esportes/2020/01/10/santa-cruz-confirma-contratacao-de-zagueiro-denilson-exgremio-182294

https://radiojornal.ne10.uol.com.br//esportes/2020/01/13/santa-cruz-vai-recorrer-contra-liminar-que-determina-liberacao-de-warley-182413

Primeiro Tempo

Em um início de jogo marcado por muitas faltas, o time do Santa Cruz teve lances de perigo, mas não conseguiu passar pelo goleiro do Campinense-PB, Adílson Júnior. Aos cinco minutos do primeiro tempo, aproveitando a sobra de bola após cobrança de escanteio, Bileu mandou uma bomba da entrada da área e o goleiro da Raposa, em uma defesa difícil, evitou o primeiro gol do jogo.  

O tricolor do Arruda investiu em lançamentos diretos e chutes de longa distância devido à dificuldade de manter a posse de bola. Ambas equipes começaram o jogo com uma tentativa de marcação adiantada, porém não conseguiram manter o ritmo de jogo e pecaram nas finalizações. Apesar de começar o jogo sofrendo ameaças, o time paraibano se recuperou e conseguiu projetar lances de perigo.  

Numa oportunidade aos 20 minutos de jogo, Romário Becker avançou pela esquerda e mandou uma bomba de fora da área que atingiu o lado de fora da rede tricolor. Em um dos últimos lances de perigo do primeiro tempo, o jogador Aleffe cruzou para dentro da área encontrando Uesles que cabeceou, mas a bola passou por cima do gol defendido por Luiz Fernando. 

Segundo Tempo

Na etapa final, os times acabaram perdendo ritmo de jogo e investiram na marcação pesada. Assim como no primeiro tempo, muitas faltas marcadas para os dois lados. As equipes insistiam nas bolas alçadas na área, que foram pouco efetivas. Aos 18 minutos do segundo tempo, Luiz Felipe tentou um levantamento para a área e a defesa do Campinense mandou para escanteio.

Um minuto depois, William Alvez ficou com a sobra na entrada da área e mandou uma bomba que passou perto da trave direita do Campinense e foi pela linha de fundo.

Dentre as tentativas do Campinense-PB, Fábio Júnior teve uma chance aos 32 minutos quando recebeu em boas condições, chutou com força mas a bola se perdeu pela linha de fundo, permanecendo assim o placar de 0x0.

Ficha do jogo:

CAM-PB: Adílson Júnior, Allefe, Vitão, Uesles e Matheus Camargo; Pêu, Vargas e Romário Becker; Robertinho, Mattheus Silva e Caíque. Técnico: Oliveira Canindé

STC: Luiz Fernando; Júnior, William Alves, Danny Morais e Fabiano; Bileu, Paulinho e Luiz Felipe; Augusto Potiguar, Mayco Félix e Pipico. Técnico: Itamar Schulle

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.