Com gol de Salatiel, Náutico vence o Vitória-PE de virada

O atacante alvirrubro vinha sendo contestado pela torcida após gol contra diante do Sport e pênalti perdido contra o River-PI

NÁUTICO
Com gol de Salatiel, Náutico vence o Vitória-PE de virada

Atacante Salatiel marca gol da virada alvirrubra - Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Lucas Rocha

 

A noite desta quarta-feira (5), além de sagrar o triunfo do Náutico em cima do Vitória-PE, pela 4ª rodada do Campeonato Pernambucano, pelo placar de 2x1, teve como personagem principal o jogador alvirrubro Salatiel. Após sair vaiado do duelo contra o Sport e também contra o River-PI, o atacante teve sua redenção ao marcar o gol da virada do time da Rosa e Silva. Matheus Carvalho foi o nome do primeiro gol do Náutico e Fabinho deixou o dele para o Vitória-PE.

O jogo:

A partida começou com o Vitória-PE pressionando o Náutico. E foi aos três minutos que o Vitória-PE chegou ao gol. Após cobrança de escanteio, o zagueiro Fabinho antecipou a marcação e desviou de cabeça, sem chance para defesa de Marcão. Mesmo depois de abrir o placar na Arena de Pernambuco, o Vitória-PE era quem chegava com mais perigo ao campo de ataque.


A resposta alvirrubra veio aos doze minutos com Matheus Carvalho. Depois da cobrança de escanteio, Lombardi cabeceou, a bola resvalou na trave e sobrou livre para Matheus Carvalho mandar para as redes e igualar o marcador.
Após o gol o Náutico ganhou um fôlego a mais e começou a ditar o ritmo de jogo. Aos trinta minutos, Salatiel arrancou, bateu cruzado, mas a bola foi pela linha de fundo.

E aos trinta veio a virada alvirrubra. Matheus Carvalho deu excelente passe para Salatiel que chutou para desencantar e ampliar a vantagem do Timbu. O Vitória-PE só voltou a ameaçar aos quarenta e três minutos. Thomaz ficou cara a cara com Marcão que fez bela defesa, impedindo o que seria o gol de empate.

Ouça os gols do jogo na voz de Aroldo Costa:

Segundo tempo

Os times voltaram para a etapa final sem grandes mudanças táticas. A primeira oportunidade veio com o Vitória-PE. Wagninho perdeu a bola, Alex Bruno dominou e chutou por cima da meta de Marcão.  O Vitória-PE era quem chegava com mais volume ao ataque. Aos dezessete minutos, após saída errada do Náutico, a bola foi alçada na área e Marcão saiu de soco para afastar o perigo.


As melhores chegadas do Náutico vieram no final do jogo. Em tabela de Erick e Bahia, aos 37 minutos, o lateral-direito invadiu a área, cortou para a esquerda e bateu por cima da meta. Aos 40, Jefferson Nem recebeu de Lucas Paraíba, limpou para o meio e encheu o pé, mas mandou para fora.


A queda de intensidade do Timbu, ofensivamente e defensivamente, deu brechas para o time do Vitória. Ficou como marca negativa a saída de Matheus Carvalho, que sentiu dores musculares e pediu para sair. Mas segundo o próprio atleta, não sentiu lesão.

Ficha do jogo:

VIT: Felipe Alisson; Lê Santos, Fabinho Vitória, Oseas e Walber; Wires, Christian Grasse e Bruno Sacomani; Paulo, Thomaz e Alex Bruno. Técnico: Alexandre Aguiar


NAU: Marcão; Bahia, Lombardi, Dumas e Daltro; Wagninho, Rhaldney e Lucas Paraíba; Jefferson Nem, Matheus Carvalho e Salatiel. Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

Gols: Fabinho aos 3 minutos do primeiro tempo, Matheus Carvalho aos 12 e Salatiel aos 34 minutos também do primeiro tempo.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.