Sport perde de virada para o Salgueiro e chega ao oitavo jogo sem vitória

O Sport permanece em sétimo colocado com sete pontos

SPORT
Sport perde de virada para o Salgueiro e chega ao oitavo jogo sem vitória

O Sport chegou ao oitavo jogo sem vitória. - Foto: Igor Moura/Rádio Jornal

Pedro Alves | Karoline Albuquerque

Fechando a 6ª rodada do Campeonato Pernambucano 2020 na noite desta quarta-feira (26), o Sport precisava vencer o Salgueiro para deixar a zona do quadrangular do rebaixamento. Mas, no estádio Cornélio de Barros, o Leão perdeu por 2×1, de virada, para o Carcará e chega a oito jogos sem vencer na temporada atual. O gol rubro-negro saiu dos pés de Barcia, no primeiro tempo. Muller empatou em seguida e Renato virou no segundo tempo.

Com a rodada concluída, o Sport agora está em definitivo na zona de luta contra o rebaixamento, em 7º lugar, com 7 pontos somados, um a menos que o Central, último dentro do grupo de classificação para o mata-mata. O Salgueiro ganha uma posição e chega ao 3º lugar, com 10 pontos, um a menos que o Náutico, vice-líder.

Como o Sport só joga no sábado (29), o time vai completar um mês sem vencer. O último triunfo aconteceu no dia 28 de janeiro, o 1×0 sobe o Central. O jogo do fim de semana, pelo Estadual, é diante do Afogados. A partida acontece na Ilha do Retiro, às 16h. O Salgueiro entra em campo no mesmo dia. Às 20h, o Carcará recebe o Decisão no estádio Cornélio de Barros.

Ouça os gols na voz de Alexandre Costa, o Explosão do Escrete:

JOGO

O Salgueiro começou melhor a partida, com o Sport errando muitos passes. O Carcará aproveitava para chegar no campo ofensivo. Aos 11 minutos, Sinho cobrou falta perto da área do Leão e a bola passou do lado da trave direita de Luan Polli. A outra oportunidade foi aos 26. Luan Polli segurou a bola cruzada por Tarcísio na área.

A resposta rubro-negra só saiu aos 31 minutos, com Ewandro levantando bola na área e o goleiro César segurando. Mas, era o Salgueiro quem mostrava as melhores ações em campo, por pouco não abrindo o placar aos 34. William Daltro recebeu bom passe de Muller na área e finalizou. Luan Polli caiu e com a ponta dos dedos conseguiu defender, puxando para segurar em seguida.

Só que os clichês do futebol são clichês por acontecerem e quem não faz, leva. Assim, foi o Rubro-negro a abrir o placar. Aos 39 minutos, Lucas Mugni entregou para Hernane, que invadiu a área do Carcará e entregou um bom passe para Barcia. O uruguaio finalizou para abrir o placar. A bola ainda bateu na trave antes de entrar.

O gol, porém, não mudou o desempenho do Sport. O Salgueiro seguiu mais ofensivo e, aos 42 minutos, o árbitro marcou um pênalti para o time mandante. Em um cruzamento na área, Sander usou o braço. A cobrança ficou com Muller. Ele chutou do lado direito do goleiro Luan Polli, que caiu para a esquerda no empate.

O segundo tempo teve em campo um Sport com mais domínio de bola, reduzindo um pouco, não totalmente, os erros de passe da etapa anterior. A posse, porém, não significava chance. A movimentação do jogo ficava por conta das bolas aéreas na área do Salgueiro, passando sempre muito alta.

A entrada de Yan deu um pouco mais de velocidade, mas o mais perto de um gol aconteceu apenas aos 27 minutos. Marquinhos, que havia acabado de entrar, chutou para o gol ao receber de Hernane, mas a finalização foi fraca e ficou nas mãos do goleiro César.

De novo, “quem não faz, leva”, só que agora do lado oposto. Aos 33 minutos, um ataque promissor do Salgueiro parou no travessão do Sport, com um cabeceio de Muller. A sobra ficou com Renato. Ele aproveitou o rebote e virou o placar para o time sertanejo.

O Leão ainda buscava, ao menos, empatar. Aos 41 minutos, o zagueiro Cleberson teve a chance, ao cabecear uma bola levantada na área. O goleiro César, porém, conseguiu fazer uma boa defesa, garantindo a vitória do Salgueiro e a saída do time sertanejo da zona de luta contra o rebaixamento no Pernambucano.

FICHA DA PARTIDA – SALGUEIRO 2×1 SPORT

Salgueiro: César; Sinho, Ranieri, Arthur e Daniel Rodrigues; Bruno Sena, William Daltro e Renato (Thomas Anderson); Tarcísio (Bruce), Willian Anicete e Muller (Raimundinho). Técnico: Daniel Neri

Sport: Luan Polli; Raul Prata, Cleberson, Adryelson e Sander; João Igor, Betinho (Jean Patrick) e Lucas Mugni (Marquinhos); Ewandro (Yan), Leandro Barcia e Hernane. Técnico: Daniel Paulista

Campeonato Pernambucano (6ª rodada) Local: estádio Cornélio de Barros, em Salgueiro (PE) Árbitro: Tiago Nascimento Assistentes: Charles Rosas e Humberto Martins Gols: Muller, aos 42′ do 1T, e Renato, aos 33′ do 2T (SA); Barcia, aos 36′ do 1T (SP) Cartões amarelos: Willian Anicete e Bruno Sena (SA); Barcia, Ewandro e Lucas Mugni (SP)